São Silvestre

O etíope Tariku Bekele é um dos principais favoritos na 90ª edição da Corrida Internacional de São Silvestre. Ganhador da prova disputada pelas ruas da capital paulista em 2011, o atleta, medalhista nas Olimpíadas de Londres 2012 e irmão do astro Kenenisa Bekele, quer o bicampeonato na próxima quarta-feira.

Após retirarem seus respectivos kits, os inscritos na São Silvestre podem visitar uma feira com produtos voltados à corrida de rua. Turíbio Leite de Barros, ex-fisiologista do São Paulo Futebol Clube e da Seleção Brasileira, atua em um dos estandes montados no local.

A 90ª edição da Corrida Internacional de São Silvestre será disputada pelas ruas da capital paulista na manhã da próxima quarta-feira, último dia do ano. Neste sábado, a organização do evento iniciou a distribuição de kits para os milhares de inscritos na competição.

A Corrida Internacional de São Silvestre terá sua 90ª edição ininterrupta realizada no próximo dia 31 de dezembro. Em função da prova e do Réveillon na Paulista, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) montará uma operação especial de trânsito na região.


A catarinense Joziane da Silva Cardoso vive em 2014 a melhor fase de sua carreira. Campeã da Meia Maratona de São Paulo, ela venceu no início de dezembro a Volta Internacional da Pampulha, quebrando um jejum de oito anos sem títulos nacionais no evento. Agora, a meta é quebrar o estigma na Corrida Internacional de São Silvestre.

Melhor brasileiro nas duas últimas edições da Corrida Internacional de São Silvestre, o brasileiro Giovani dos Santos deve ser uma vez mais destaque da prova de 31 de dezembro. Seu técnico, Dr. Henrique Viana, acredita que o atleta chega à 90ª edição do evento na melhor forma de sua carreira

Antes de se tornar uma prova disputada por milhares de atletas, a Corrida Internacional de São Silvestre era restrita a corredores de elite, convidados pela organização ou definidos em preliminares. Em 1968, o cantor Jorge Ben Jor disputou a seletiva, mas não conseguiu classificação ao evento de 31 de dezembro.

Se depender da qualidade dos atletas que participarão da 90ª Corrida Internacional de São Silvestre, no dia 31 de dezembro, a edição será a melhor de todos os tempos. Mais quatro nomes de peso no segmento de corridas de rua estarão na prova, considerada a mais importante da América Latina. São eles os quenianos Maurine Kipchumba, campeã da prova em 2012, Stanley Biwott, vencedor da Maratona de São Paulo em 2013, Stanley Koech, campeã da Maratona de São Paulo em 2010, e a etíope Netsanet Kebede, vice-campeão da São Silvestre no ano passado. Com se vê, a disputa deste ano estará repleta de atletas com títulos e que prometem muito equilíbrio.

Um grupo de aproximadamente 10 corredores amadores representará o Palmeiras na Corrida Internacional de São Silvestre 85 anos depois do título de Heitor Blasi na prova. Wellington Almeida Junior, diretor de atletismo do clube, pensa em revitalizar o departamento e vê o Cruzeiro como exemplo.

Mais na web