Estabilidade? Ceni deve sofrer com chegadas e saídas na próxima janela

São Paulo, SP

13-04-2022 07:00:06

A janela para transferências no futebol brasileiro fechou nesta terça-feira, mas se engana quem pensa que o técnico Rogério Ceni terá estabilidade até o final do ano em relação às peças com as quais ele poderá contar. Na virada de semestre, o comandante do São Paulo tem grandes chances de ver alguns de seus jogadores deixaram o Morumbi, enquanto outros podem chegar.

Nomes como Igor Gomes, Rodrigo Nestor, Gabriel Sara e Welington já receberam sondagens recentes, e a tendência é que pelo menos alguns deles se despeçam do São Paulo, que atravessa grave crise financeira e precisa vender jogadores para equilibrar o caixa.


Na última janela de transferências do futebol europeu, o São Paulo optou por não vender suas principais jovens promessas por entender que a próxima janela será mais aquecida, recebendo propostas mais atrativas pelos seus talentos.

Por outro lado, o clube ainda entende que é preciso reforçar o elenco em alguns setores. Nesta janela o Tricolor tentou a contratação do zagueiro Igor Rabello, mas as tratativas com o Atlético-MG acabaram não avançando.

O técnico Rogério Ceni também já admitiu diversas vezes que ainda busca um atacante de velocidade, driblador, que atue pelos lados do campo. Essas características vêm fazendo falta para o São Paulo sobretudo contra times que adotam uma postura mais defensiva, não oferecendo espaços para o rival.

Com a possível saída de Tiago Volpi, que pode retornar ao futebol mexicano no meio do ano, o São Paulo também monitora alguns goleiros para brigar pela titularidade com Jandrei.

Fato é que até a janela de transferências do futebol europeu abrir, o que está previsto para acontecer no dia 1 de julho para as principais ligas do continente, Rogério Ceni não contará com novidades. Resta saber o quão diferente será o plantel tricolor no segundo semestre.

Deixe seu comentário