Alto salário é entrave, e Juanfran deve dar adeus ao São Paulo em fevereiro

Marcelo Baseggio - São Paulo,SP

16-01-2021 04:00:35

Juanfran deve se despedir do São Paulo no fim de fevereiro, quando se encerra a atual temporada do futebol brasileiro. O espanhol, titular absoluto do técnico Fernando Diniz, renovou contrato em dezembro do ano passado por mais dois meses na expectativa de conquistar o tão sonhado título brasileiro, mas não deve assinar uma nova extensão de vínculo.

O grande entrave para a permanência de Juanfran é o alto salário. Contratado pela gestão de Leco, o espanhol desembarcou no Morumbi logo após o anúncio da contratação de Daniel Alves, mudando o status do elenco são-paulino. Porém, a nova gestão, chefiada pelo presidente Julio Casares, tem como uma de suas premissas a austeridade financeira e tenta enxugar a folha salarial para o próximo triênio.


Aos 36 anos, Juanfran soma 49 partidas com a camisa do São Paulo e é um dos responsáveis pela consistência defensiva da equipe ao longo da atual temporada, embora os últimos jogos tenham sido marcados por lambanças individuais que não tiveram sua participação.

Ciente não só da importância defensiva para a equipe, mas também do exemplo que Juanfran é para os jogadores mais jovens, o São Paulo gostaria de mantê-lo no clube, mas, mesmo com uma idade já avançada, o lateral espanhol tem mercado para poder buscar algo mais vantajoso financeiramente, já que a oferta tricolor certamente se enquadraria na nova realidade imposta pela gestão Casares.

Caso a saída de Juanfran realmente se confirme, a tendência é que Igor Vinícius se torne o novo titular do São Paulo, com a possibilidade de o clube promover um jovem da posição revelado em Cotia ou então buscar alguma opção boa e barata no mercado.

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do São Paulo?