Portuguesa

Na noite desta terça-feira, o estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, foi palco de um duelo de desesperados no Campeonato Paulista. Em duelo atrasado, válido pela 12ª rodada estadual, a Portuguesa, mandante do compromisso, mediu forças com o São Bernardo, mas não passou de um empate por 0 a 0. A igualdade sem gols foi prejudicial para os dois clubes, que permanecem na zona de rebaixamento.

Más campanhas condenam Portuguesa e São Bernardo a lutarem contra o rebaixamento no Campeonato Paulista. Em duelo da 12ª rodada que foi remarcado para às 19h30 (de Brasília) desta terça-feira, Lusa e Bernô medem forças, em Bragança Paulista, em confronto direto para fugir da degola.

Lutando por objetivos distintos no Campeonato Paulista, Ituano e Portuguesa entraram em campo neste sábado, às 16 horas (de Brasília), no estádio Novelli Júnior. As duas equipes não saíram do zero, mas o resultado acabou rebaixando o Marília para a Série A2 do Estadual.

Neste sábado, o Ituano, atual campeão paulista, tem compromisso marcado com a Portuguesa no estádio Novelli Júnior, em Itu (SP), em partida válida pela 13ª rodada do Estadual. As duas equipes lutam pela segunda colocação dos seus respectivos grupos para poderem avançar às quartas de final da competição.

A Portuguesa só se defendeu diante de uma equipe repleta de jogadores considerados reservas do Corinthians, na noite desta terça-feira, em Itaquera. Acabou castigada com uma derrota por 2 a 0, com dois gols marcados pelo novato atacante Malcom.


A classificação matemática do Corinthians às quartas de final do Campeonato Paulista, que era uma questão de tempo, não é mais. Mesmo atuando com uma formação totalmente reserva, o time não teve dificuldade para se impor sobre a Portuguesa em Itaquera e vencer por 2 a 0, com dois gols de Malcom.

Assumindo a Portuguesa em fase no mínimo intranquila, Jorge Manuel tem missão de tirar do buraco um dos clubes mais tradicionais do futebol brasileiro. Com a crise financeira como maior preocupação, o novo presidente rubro-verde relembra o ‘caso Héverton’ que deu início à derrocada em 2013.

Entrar em campo na noite desta terça-feira não será especial para Bruno Henrique apenas por voltar a defender o Corinthians após uma luxação no cotovelo esquerdo. Do outro lado do gramado de Itaquera, estará a Portuguesa, clube que o volante defendeu em 2013.

A Portuguesa terminou o primeiro tempo vencendo, mas não conseguiu segurar o resultado no Romildão. Lusa e Mogi Mirim empataram em 1 a 1 e, assim, ainda não asseguraram a classificação às quartas de final do Campeonato Paulista. Os gols foram marcados por Léo Costa e Valdir.

Mais na web