Futebol/Mercado

Palmeiras barra saída de Juninho e libera Nico Freire para buscar interessados

Bruno Calió - São Paulo , SP
17/01/2019 08:00:50

Em: Campeonato Paulista, Escolha do editor, Futebol, Mercado da bola, Palmeiras

O Palmeiras se reapresentou para a pré-temporada deste ano com sete zagueiros em seu elenco. Em uma avaliação inicial, Pedrão e Juninho apareciam como maiores candidatos a deixar o clube por empréstimo para que o elenco pudesse ser reduzido aos 31 nomes pedidos por Luiz Felipe Scolari. O período de treino, porém, fez tudo mudar.

Enquanto Pedrão está próximo de acertar com o Fortaleza por empréstimo, o Verdão barrou a saída de Juninho. O zagueiro esteve muito perto de assinar com o Sport, mas Felipão vê hoje no atleta a melhor opção como quinto defensor do plantel (Luan, Gustavo Gómez, Antônio Carlos e Edu Dracena estão à frente).

Por outro lado, Nico Freire acabou sendo deixando (mais) de lado. No último jogo-treino do Alviverde, contra o Audax, o argentino atuou improvisado na lateral-esquerda, enquanto Juninho fez o papel de zagueiro. O detalhe é que o atleta, emprestado ao Atlético-MG em 2018, também pode atuar na ala.

Durante os treinos, a situação se repete e Nico está sempre atrás do companheiro. O estrangeiro, aliás, é preterido desde que chegou ao Verdão, na metade do ano passado, emprestado pelo grupo que administra o Manchester City, da Inglaterra.

Ele é alvo do Peñarol-URU, mas seus empresários acreditam que podem colocá-lo em um clube europeu ao final do empréstimo do Palmeiras. Fato é que ele estará fora da lista de inscritos para o Campeonato Paulista e o Maior Campeão do Brasil já o liberou para procurar um novo clube.

Juninho, por sua vez, foi contratado ainda em 2016 junto ao Coritiba por R$ 11 milhões, mas só integrou o elenco alviverde em 2017. Com inúmeras falhas, ele não agradou a torcida palestrina e acabou emprestado para o Atlético-MG no último ano, onde também não foi bem.




×
Quer receber notícias do Palmeiras?