Sem Jô, VP já busca soluções no elenco do Corinthians para próximas semanas decisivas

Marina Bufon - São Paulo,SP

12/06/22 | 06:00 - 11/06/22 | 21:54

Vítor Pereira já está trabalhando soluções para que o Corinthians não sinta tanto a saída de Jô. No jogo deste sábado, na vitória por 2 a 0 sobre o Juventude, na Neo Química Arena, já foi possível ver essa modificação, já que os tentos saíram de Adson e Mantuan, após jogadas pelos lados.

“Eu já estou tentando fazer isso, temos que ir com a qualidade dos jogadores que temos, estou tentando. O Jô era uma referência, segurar bola, num cruzamento… Há muitas coisas que se tem que alterar quando não se tem uma referência como ele. Vamos ter que chegar de formas diferentes, de trás para frente, tipo de cruzamento tem que ser diferente também, mas já estamos à procura de adaptação de jogar sem um 9 de referência”, falou o treinador em coletiva de imprensa após o triunfo.

Apesar de lamentar o fato de o clube e Jô terem rescindido contrato em comum acordo, o comandante disse que não havia outra solução a não ser essa. Além disso, o técnico deve utilizar Róger Guedes mais no setor de referência, apesar de o camisa 9 não se sair tão bem na posição.


Esse, inclusive, já foi um tema de discussão em outras coletivas dadas pelo técnico, que, desta vez, como em outras oportunidades, elogiou o jogador e disse que ele está mais disponível para fazer o que lhe pedem.

“A minha relação com os jogadores é honesta, sincera. Já tinha dito ao Róger que, apesar da grande qualidade dele, para mim, tem muitos apagões no jogo: tem momentos que está e outros em que não está. Preciso que ele seja solicitado com bola. Se encostar nos laterais, tem momentos de apagões, depois reage tarde. O que eu pedi a ele, sabendo que ele não é um atacante de área, de referência, é um jogador que tem mobilidade, qualidade técnica, que sabe combinar, mas tem que aparecer na área e fazer gol, surpreender na hora de fazer o gol", iniciou sobre o assunto.

VEJA MAIS:
Cássio ainda não falou com Jô após rescisão e disse respeitar saída do amigo do Corinthians
Do sofá de casa, Jô parabeniza Mantuan por gol no Corinthians: "Merece demais"

"O que mudou foi ele estar disponível e querer fazer as coisas, não estar contrariado e nem cômodo nas novas funções, desligar muito menos. Ele tem feito esse esforço e tem ajudado, não há dúvida nenhuma. Pena hoje (sábado) não ter feito um gol, mas estou muito satisfeito. É um jogador que, se tiver comprometido, tem muita qualidade”, finalizou.

O Corinthians venceu o Juventude na tarde deste sábado, por 2 a 0, com gols de Adson e Mantuan, e retomou a liderança do Campeonato Brasileiro, com 21 pontos. Neste domingo, às 18h (de Brasília), o rival Palmeiras visita o Coritiba e, se vencer, volta ao primeiro lugar. O próximo compromisso da equipe será na quarta-feira, contra o Athletico-PR, fora de casa.

Deixe seu comentário