Em seu primeiro jogo internacional, Santa Cruz perde na Sul-Americana

São Paulo, SP

21-09-2016 23:43:18

 

O primeiro jogo internacional da história do Santa Cruz vai ficar marcado, mas pelo lado negativo. Nesta quarta-feira, o Tricolor de Pernambuco foi à Colômbia enfrentar o Independiente Medellín e acabou derrotado por 2 a 0, pela partida de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana.

Com o resultado, o Santa Cruz precisa de uma vitória por três gols de diferença para garantir a classificação às quartas de final. Vitória por 2 a 0 leva a decisão para os pênaltis. Qualquer empate classifica o time colombiano.

O duelo da volta acontece na próxima quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no Arruda. Antes, porém, o Santinha visita o Figueirense, na manhã de domingo, no Orlando Scarpelli, pelo Campeonato Brasileiro.

O jogo – Focado na marcação, com três volantes em campo, o Santa Cruz adotou uma postura defensiva desde o início e deu espaço para o Independiente Medellín atacar. Os donos da casa tiveram a primeira chance logo com quatro minutos de bola rolando. Piedrahita tocou para a área, Molina desviou para dentro e Hechalar cabeceou para fora.

Na sequência, Moreno lançou Piedrahita na direita. O lateral tentou mandar para o meio da área, mas ninguém chegou para completar. A bola passou na frente de Tiago Cardoso e saiu pela linha de fundo. Os colombianos voltaram a assustar na marca de 25 minutos. Muito acionado no primeiro tempo, Piedrahita arriscou de fora e mandou perto do ângulo esquerdo.

A primeira finalização perigosa do Santa Cruz aconteceu somente aos 32 minutos, em jogada de bola parada. Arthur cobrou falta sofrida por Grafite e obrigou o goleiro David González a espalmar para escanteio. Apesar desta chegada do time brasileiro, o Independiente seguiu dominando as ações e abriu o placar aos 38 minutos. Juan Caicedo deu um belo toque de calcanhar para Hechalar fuzilar as redes de Tiago Cardoso.

O Santinha começou o segundo tempo saindo mais para o jogo e teve grande chance de empatar logo aos dois minutos. Arthur cobrou escanteio e Neris, quase debaixo do travessão, cabeceou errado, para trás. O lance despertou o Independiente, que voltou a assustar. Aos 11, Piedrahita recebeu na direita e rolou para Cabezas chegar batendo. Tiago Cardoso fez grande defesa.

Mais presente no ataque do que no primeiro tempo, o Santa Cruz voltou a levar perigo na marca de 21 minutos. Danilo Pires cruzou na área, a zaga colombiana se complicou e a bola sobrou para Derley. O volante tricolor bateu de pé esquerdo e assustou González. No final do jogo, no entanto, os colombianos ampliaram. Aos 42, Cortés aproveitou falha da zaga coral para, complemente livre, cabecear no canto de Tiago Cardoso e dar números finais ao confronto.

Deixe seu comentário