Brasileiro Série A

São Januário | 7/6/2019 - 20:30

Futebol/Campeonato Brasileiro

Vasco bate Internacional e vence a primeira no Brasileirão

Gazeta Press - Rio de Janeiro , RJ
07/06/2019 22:32:23

Em: Brasileiro Série A, Futebol, Internacional, Notícias, Vasco
Time de Luxemburgo construiu a vitória no primeiro tempo (Foto: Rafael Ribeiro/CRVG)

O Vasco venceu por 2 a 1 o Internacional, nesta sexta-feira, em São Januário, e alcançou seu primeiro triunfo no Campeonato Brasileiro. Com o resultado, os cruzmaltinos chegaram a seis pontos, saíram da lanterna da Série A, mas seguem na zona de rebaixamento. Já os gaúchos permanecem com 13 pontos, na quinta posição.

No primeiro tempo, o Vasco foi superior e foi para o intervalo na frente do placar, após gols de Andrey e Tiago Reis. Na etapa final, o jogo mudou de configuração e o Internacional foi melhor. Os gaúchos ainda diminuíram com Emerson Santos, mas tiveram que se conformar com a derrota.

Na próxima rodada, o Vasco recebe o Ceará, nesta quinta-feira, em São Januário. No dia anterior, o Internacional encara o Bahia, no Beira-Rio.

O jogo – Empurrado pela torcida, o Vasco iniciou a partida tentando pressionar o Internacional. A primeira boa chance aconteceu aos oito minutos. Rossi arriscou de fora da área e assustou o goleiro Marcelo Lomba. O Internacional respondeu em seguida, quando Uendel apareceu livre na área, mas cabeceou pela linha de fundo. No entanto, o lance já havia sido invalidado por impedimento de Nico López na origem da jogada.

Aos poucos, o Internacional equilibrou o confronto. Com isso, o jogo ficou concentrado entre as duas intermediárias, sem lances de perigo. O duelo só voltou a ter emoção aos 25 minutos, quando Rossi novamente chutou de longe e obrigou Marcelo Lomba a fazer boa defesa. Logo depois, foi a vez de Tiago Reis aproveitar cruzamento, mas cabecear pela linha de fundo.

Os sustos fizeram o Internacional melhorar a marcação e buscar o ataque com mais intensidade. No entanto, na melhor chance gaúcha, Nico López parou em grande defesa de Fernando Miguel, mas o lance não seria validado por impedimento do uruguaio.

Mesmo abusando dos erros de passes, o Vasco conseguiu chegar ao gol aos 43 minutos. Após cruzamento na área, Emerson Santos cortou mal e bola sobrou para Andrey chutar no canto, sem chance para Marcelo Lomba.

O revés foi sentido pelos gaúchos, que tentaram esboçar uma pressão nos minutos finais, mas viram o Vasco ampliar o marcar já nos acréscimos. Danilo Barcelos cobrou falta no travessão e a bola sobrou para Tiago Reis mandar de cabeça para a rede e deixar os donos da casa com boa vantagem para o intervalo.

No segundo tempo, o Internacional pressionou desde os primeiros minutos em busca do gol. Os visitantes tiveram boa chance aos seis minutos, quando Rafael Sóbis fez boa jogada individual e chutou em cima de Fernando Miguel. O Vasco não conseguia sair nos contra-ataques e apenas se defendia.

A pressão gaúcha surtiu efeito aos dez minutos. Nico López cruzou, Victor Cuesta dominou mal e Emerson Santos aproveitou para chutar cruzado, sem chance para Fernando Miguel.

O Internacional manteve a postura após o gol e quase empatou aos 13 minutos. Patrick fez boa jogada e cruzou para Jonathan Alvez. O equatoriano subiu livre, mas cabeceou sobre o travessão. Depois foi a vez de Patrick receber passe na área, mas chutar mal.

Enquanto o Vasco tinha muita dificuldade em chegar ao ataque, o Internacional permanecia com a vocação ofensiva. Os gaúchos chegaram a colocar a bola na rede aos 21 minutos, com Jonathan Alvez, mas o atacante estava em posição de impedimento. Dois minutos depois, Nonato arriscou de fora da área e obrigou Fernando Miguel a fazer grande defesa.

O panorama da partida continuava o mesmo, só que o Vasco melhorou a marcação e passou a dificultar as boas jogadas do Internacional. Os gaúchos só voltaram a chegar com perigo aos 41 minutos. Zeca cruzou para Uendel, que acertou belo chute de primeira, mas a bola foi pela linha de fundo.

Nos minutos finais, o Vasco conseguiu segurar a pressão do Internacional para sair de campo com a primeira vitória no Campeonato Brasileiro.

FICHA TÉCNICA
VASCO 2 x 1 INTERNACIONAL

Local: Estádio São Januário, no Rio de Janeiro-RJ
Data: 07 de junho (sexta-feira)
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC).
Assistentes: Alex dos Santos (SC) e Eder Alexandre (SC).
VAR: André Luiz de Freitas Castro (GO) auxiliado por Elmo Alves Resende Cunha (GO) e Leone Carvalho Rocha (GO)
Renda: R$ 222.185,00
Público: 10.652 pagantes

Cartões amarelos: Rafael Sóbis e Emerson Santos (Internacional)
GOLS
VASCO: Andrey, aos 43min do primeiro tempo; Tiago Reis, aos 47min do primeiro tempo
INTERNACIONAL: Emerson Santos, aos 10min do segundo tempo

VASCO: Fernando Miguel; Yago Pikachu, Oswaldo Henriquez, Ricardo Graça e Danilo Barcelos; Raul, Marcos Júnior e Andrey (Fellipe Bastos); Rossi (Bruno César), Marrony e Tiago Reis (Jairinho)
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Zeca, Emerson Santos, Victor Cuesta e Uendel, Rodrigo Lindoso, Edenílson (Patrick), Nonato e Guilherme Parede (Jonathan Alvez); Nico López (Sarrafiore) e Rafael Sóbis
Técnico: Odair Hellmann

Ads – Rodapé Posts




  • Leão do deserto

    Até que em fim né Vasco, mas por que todo jogo vocês usam comunicação via rádio da arquibancada para o Banco de reservas?

Escalação
Vasco

Fernando Miguel


Oswaldo Henríquez


Ricardo


Danilo Barcelos


Andrey


Raul Gonçalves


Marcos Júnior


Yago Pikachu


Rossi


Marrony Liberato


Tiago Reis


Jairinho


Bruno César


Fellipe Bastos


Tec - Vanderlei Luxemburgo
Internacional

Marcelo Lomba


Zeca


Emerson Santos


Víctor Cuesta


Uendel


Rodrigo Lindoso


Edenilson


Gustavo Nonato


Guilherme Parede


Nico López


Rafael Sóbis


Patrick Nascimento


Jonatan Alvez


Sarrafiore


Odair Hellmann - Tec

Posse de bola

68%
32%
Corinthians
Santos
999
Corinthians

Passe

999
Santos
999
Corinthians

Finalização

999
Santos
999
Corinthians

Cruzamento

999
Santos
999
Corinthians

Desarme

999
Santos

Faltas

24
COR
×
15
SAN

Impedimentos

24
COR
×
15
SAN

Cartões amarelos

24
COR
×
15
SAN

Cartões vermelhos

24
COR
×
15
SAN

Estatísticas de jogadores

Corinthians

LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner

Santos

LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
Estatísticas de jogadores