Gazeta Esportiva

Recepção na despedida: torcedores do Corinthians planejam festa para Vítor Pereira em Portugal

Marina Bufon - São Paulo,SP

25/02/22 | 05:00

O número de brasileiros vivendo na cidade do Porto, em Portugal, é grande. Segundo dados do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), dos 42.253 residentes estrangeiros na cidade, 19.703 eram brasileiros em 2019. O número atual deve ser maior.

Dentre esses, quase 200 fazem parte de uma torcida do Corinthians. A Fiel Porto foi fundada no dia 5 de janeiro de 2020, há pouco mais de dois anos, quando um do "bando de loucos" resolveu encurtar as distâncias.

"Me mudei em outubro de 2019 e tive contato com outros corintianos da cidade de Lisboa, onde existe a Fiel Lisboa. Perguntei se tinha um ponto de encontro da torcida na cidade do Porto. Como não tinha, em dois meses, resolvemos fundar a Fiel Porto. Depois de 28 dias, já tivemos nosso primeiro encontro, no dia 2 de fevereiro, quando o Corinthians ganhou do Santos por 2 a 0", contou Fernando Souza, integrante da diretoria e fundador da torcida.

Ele, que vivia indo aos estádios paulistas, "gastando com caravanas", não conseguiu se ver sem acompanhar o alvinegro. Mas só pode participar do grupo de WhatsApp aqueles que forem corintianos e que, hoje, morem no Porto. Eles se encontram em praticamente todos os jogos para assistir às transmissões e passar energia positiva para o clube do outro lado do Atlântico.

Torcedores do Corinthians querem fazer uma surpresa na saída de Vítor Pereira de Portugal (Foto: Cortesia/Reprodução)

No último dia 23, com a notícia de que o português Vítor Pereira, ex-técnico do Porto, iria assumir o Timão, a torcida corintiana de lá já começou a se movimentar. Mesmo sem data certa para embarcar para o Brasil, os membros da Fiel Porto desejam fazer uma festa de "despedida/recepção" no aeroporto.

"A nossa ideia é encontrar com ele, desejar boa sorte, explicar um pouquinho o que é o Corinthians. Uma conversa mesmo, não o conhecemos, mas somos pessoas que levam o amor ao clube mesmo à distância", contou.

"Queríamos desejar, de uma forma agradável, muito boa sorte. Dar a ele uma camisa da Fiel Porto e passar a ideia do que é ser Corinthians, porque às vezes ele não deve ter noção da grandeza do clube ainda".

VEJA MAIS:
Estudioso, metódico e sem papas na língua: jornalista português analisa Vítor Pereira, novo técnico do Corinthians
Pavio curto, rigoroso e fã do jogo vertical: conheça Vitor Pereira, o novo técnico do Corinthians
Willian analisa chegada de Vítor Pereira ao Corinthians e pede tempo ao treinador

O Corinthians ainda não confirmou oficialmente quando o técnico chega para assumir o grupo. Algumas informações falam de sábado e outras de segunda-feira. Os membros da Fiel Porto estão se mobilizando para saber quando ele viaja, para que a surpresa, de fato, aconteça. Faixas, camisas, batuque e calor humano, com certeza, não vão faltar.

"A nossa ideia é fazer esse encontro com ele antes de ele embarcar, antes de ele se apresentar ao clube. Que ele saiba que tem uma torcida que ama demais o Corinthians, queremos mostrar para ele a nossa força. Ele saindo daqui vendo alguns integrantes para passar essa mensagem, já é um bom caminho para ele começar a enxergar o tamanho do nosso time", finalizou.

Pós-crédito: Se você, que lê este texto, for ou Vítor Pereira ou o responsável pela chegada dele no Brasil, que tal dar uma ajudinha pra Fiel do outro lado do oceano?

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Deixe seu comentário