São Silvestre

“Acidente. Um baita acidente.” É assim que José João da Silva, bicampeão da São Silvestre, descreve o início de sua vida de atleta. O jovem nascido em Bezerros (PE) e recém-chegado à capital paulista estudava no colégio Assunção, na Alameda Lorena, e trabalhava na Cantina Nova Romeu, um restaurante próximo, onde fazia bico como entregador para ganhar um dinheiro extra.

Faltando pouco menos de dois meses para sua realização, a 90ª Corrida Internacional de São Silvestre, a mais tradicional e importante prova de rua da América Latina, segue movimentada em seus bastidores, com os preparativos para o dia e, principalmente, o prazo para confirmar a participação no evento que encerra o ano esportivo brasileiro, no dia 31 de dezembro. Idealizada pelo jornalista Cásper Líbero no ano de 1925, a disputa nunca foi interrompida, sendo realizada até mesmo durante a Revolução Constitucionalista de 1932 e a II Guerra Mundial.

Os representantes do Quênia dominaram a Maratona de São Paulo, disputada na manhã deste domingo. No masculino, a vitória na prova ficou nas mãos de Paul Kankogo, enquanto na corrida voltada para as mulheres o triunfo foi conquistado por Rumokol Chepkanan.


Estão abertas as inscrições para a "Corrida Internacional de São Silvestre". A prova de rua que é uma das mais tradicionais do mundo chega a sua 90ª edição sem qualquer interrupção. Idealizada pelo jornalista Cásper Líbero no ano de 1924, foi realizada até mesmo durante a Revolução Constitucionalista de 1932 e a Segunda Guerra Mundial.

Mais na web