Brasileiros caem no ranking da ATP; Sharapova volta à lista

São Paulo, SP

01-05-2017 11:03:18

A semana não foi boa para os brasileiros. Thomaz Bellucci e Thiago Monteiro caíram no ranking da ATP como consequência das eliminações na primeira rodada do ATP 500 de Barcelona.

Enquanto Bellucci, o brasileiro melhor ranqueado, perdeu três posições, indo para a 57ª colocação, o cearense Thiago Monteiro foi para 80ª posição para a 81ª. Os dois tenistas estão disputando o ATP 250 de Munique e o paulista inclusive venceu em sua estreia.

O também paulista Rogério Dutra Silva, o Rogerinho, foi o único que não caiu no ranking. O tenista de 33 anos foi o único atleta do Brasil a vencer no torneio em Barcelona e ele se manteve na 69ª colocação. Nesta semana, ele está disputando o ATP 250 de Istambul.

Nas duplas, Marcelo Melo continua na quinta colocação e Bruno Soares na oitava. Marcelo Demoliner subiu uma posição (54ª) e André Sá saltou quatro colocações (58º).

Leia mais:

Nadal vence Thiem e conquista o décimo título em Barcelona

Federer disputa partida com Bill Gates, Isner e músico do Pearl Jam

O top 10 não sofreu nenhuma alteração e o britânico Andy Murray continua liderando com 11.870 pontos, seguido de Novak Djokovic (8.085 pontos). Roger Federer é o quarto colocado e Rafael Nadal o quinto. Com Federer e o terceiro colocado Wawrinka, a Suíça é o país com mais representantes no top 10.

Não foram só os homens que pioraram. Teliana Pereira, segunda melhor tenista brasileira ranqueada, despencou 19 posições e passou da 195ª posição para a 214ª. Por outro lado, Bia Hadad conseguiu alcançar o seu melhor ranking na carreira (144ª) após subir duas posições. A tenista número 1 do país está disputando o WTA de Praga e conseguiu furar o quali.

Sharapova volta ao ranking

Uma das novidades no ranking da WTA é Maria Sharapova. Na última semana, a tenista russa disputou o seu primeiro torneio desde que foi suspensa por doping e acabou sendo eliminada na semifinal de Sttutsgart. A atleta de 30 anos ganhou 185 pontos e é a 262ª colocada no ranking, posição que não garante nem a participação no qualifying de Roland Garros. Para participar do Grand Slam, o torneio francês precisará convidá-la.

Deixe seu comentário