Quem vai ganhar a Liga dos Campeões?

17/02/2020 15:44:09

Em: Institucional

Já são conhecidos os jogos dos oitavas-de-final da Liga dos Campeões, que serão decididos até dia 18 de Março. Os fãs do esporte antecipam ansiosamente as oito partidas que colocarão frente a frente os 16 melhores clubes da Europa. É aqui que estão os maiores craques do mundo, os jogos mais intensos, e as equipas mais ricas. Entre os principais jogos dos oitavas-de-final da Liga dos Campeões estão as partidas entre o Borussia Dortmund e o PSG, entre o Chelsea e o Bayern Munique, e entre o Real Madrid e o Manchester City.

Na fase de grupos, o grande destaque vai para o Bayern Munique, que dominou por completo um grupo difícil onde também estavam o Tottenham (finalista do ano passado) e o Olympiakos da Grécia. Mas houve também espaço para surpresas. O Valencia venceu de forma inesperada um grupo muito complicado que ditou a passagem do Chelsea e que resultou na eliminação da equipa-sensação da temporada passada: o Ajax da Holanda. De resto, todos os grupos correram dentro do esperado, com gigantes como o Real Madrid, do At. Madrid, ou do Borussia Dortmund a qualificarem-se com dificuldades no segundo lugar.

Tentar prever quem será o grande vencedor da edição deste ano da Liga dos Campeões pode ser impossível. Mas afinal, quem são os grandes favoritos à conquista da competição em 2020?

Os grandes favoritos

No contexto do futebol europeu, existe uma equipa que se tem destacado acima das outras na temporada 2019/20. O Liverpool, que ainda não perdeu qualquer jogo para o campeonato este ano, foi o grande vencedor da edição do ano passado e conquistou ainda o Campeonato Mundial de Clubes frente ao Flamengo. A equipa inglesa é treinada pelo prodigioso técnico alemão Jurgen Klopp e tem estado à altura de todas as expectativas. Praticando um futebol rápido e atrativo, a equipa dos brasileiros Fabinho e Roberto Firmino é a grande favorita a revalidar o título de campeão europeu na Liga dos Campeões.

Logo a seguir estão emblemas como o PSG, o Bayern Munique, o Real Madrid, o Barcelona, e a Juventus. Três delas são absolutamente dominantes a nível doméstico, embora o Bayern tenha mostrado fragilidades na Bundesliga este ano. O PSG e a Juventus continuam perseguindo o título de forma ávida, e podem para isso contar com plantéis recheados de estrelas – com destaque para o brasileiro Neymar e para o craque português Cristiano Ronaldo.

Real Madrid e Barcelona, no entanto, são dois eternos favoritos à conquista da competição. A nível doméstico, o Real Madrid de Zidane tem demonstrado ser uma equipa bastante consistente, mas o Barcelona, apesar das dificuldades, continua a contar com um leque de jogadores muito especial. Para além da experiência de craques como Piqué, Suárez, ou Griezmann, os catalães contam com a habilidade de Lionel Messi.

Os clubes que podem surpreender

(Foto: Fabrice COFFRINI / AFP)

Basta pensar nas prestações do Tottenham e do Ajax no ano passado para perceber que a Liga dos Campeões é terreno fértil para equipas surpreendentes. À partida, pouca gente apostaria na vitória de emblemas como o At. Madrid ou o Valencia, mas há um pequeno leque de equipas tidas como underdogs (com menor probabilidade de vencer) que podem surpreender os maiores clubes da Europa.

O At. Madrid é um especialista na competição, principalmente desde que o treinador argentino Diego Simeone tomou conta da equipa; o time de Diego Costa, João Félix, ou Jan Oblak chegou a várias finais ao longo dos últimos 10 anos, mas acabou por perder todas.

Outras equipas excitantes que ainda se encontram a disputar a Liga dos Campeões incluem o Valencia e o RB Leipzig.

O Valencia tem se destacado na competição, mas tem também demonstrado ser uma equipa muito irregular a nível doméstico. Poucos acreditam que a equipa tenha capacidade para chegar longe na competição, mas o Valencia é mesmo favorito para os oitavos-de-final. Mas o caso mais sério que pode chocar a Liga dos Campeões pode ser mesmo o do RB Leipzig. O clube alemão é patrocinado pela Red Bull e tem apresentado uma forma fantástica na Bundesliga, ameaçando o domínio caseiro do Bayern Munique. O Leipzig é treinado pelo jovem treinador alemão Julian Nagelsmann, que aos 32 anos é considerado um dos treinadores mais promissores do mundo do futebol. Será que ele vai estar à altura de uma competição como a Liga dos Campeões?

O caso Manchester City

Um caso especial da Liga dos Campeões será o do Manchester City. Recentemente banido das competições europeias para as próximas duas épocas, a equipa de Pep Guardiola tem tudo a ganhar com uma boa prestação na Liga dos Campeões. Não só porque esta será a última oportunidade de vencer a competição no prazo de 3 anos, mas também porque o Manchester City já está praticamente afastado das hipóteses do título em Inglaterra. Se Guardiola quiser “salvar” a época dos citizens, ganhar a Liga dos Campeões pode ser mesmo a única maneira. Em 2018/19, a equipa de Aguero, Sterling e Ederson caiu nas meias-finais.