Futebol Internacional/Copa Sul-Americana

Libertad e Independiente abrem semifinais da Sul-Americana

Gazeta Press - Rio de Janeiro , RJ
21/11/2017 09:02:44 — 21/11/2017 09:03:55

Em: Campeonato Copa Sul-Americana, Futebol, Futebol Internacional, Independiente-ARG, Libertad
Libertad finalizou os preparativos para encarar a equipe argentina pela Sul-Americana (Foto: Reprodução/Twitter/Libertad)

Libertad e Independiente da Argentina se enfrentam nesta terça-feira, às 22h15 (horário de Brasília), no Estádio Defensores del Chaco, em Assunção, no Paraguai, no jogo de abertura das semifinais da Copa Sul-Americana.

Os paraguaios eliminaram outro argentino nas quartas, o Racing, ganhando em casa por 1 a 0 e segurando empate sem gols na Argentina. Mais facilidade teve o Independiente, que cruzou com outro paraguaio, o Nacional. Goleou por 4 a 1 em Assunção e depois bateu os rivais por 2 a 0 jogando em casa.

Fernando Jubero, treinador do Libertad, destacou a importância de um jogo perfeito. “Nós não podemos cometer nenhum erro infantil, pois aí vamos ter que pagar um preço muito alto”, disse.

Ariel Holan, comandante do Independiente, fala em ter uma postura ofensiva. “Nós temos que marcar gols e levar a decisão para a Argentina. O jogo não deve ser resolvido agora”, contou o treinador, que vem lembrando que os gols anotados como visitante valem para critério de desempate.

Em termos de escalação, o Independiente vai manter a base das quartas de final. Já o Libertad tem uma dúvida de ordem técnica na lateral direita, onde Luis Cardozo e Alan Benítez disputam posição.

Independiente e Libertad se enfrentam no jogo de volta na terça-feira da próxima semana, na Argentina. Quem avançar vai fazer a final com quem se classificar do choque entre Flamengo e Junior de Barranquilla, da Colômbia, que iniciam o confronto nesta quinta-feira, no Rio de Janeiro.

FICHA TÉCNICA
LIBERTAD X INDEPENDIENTE

Local: Estádio Defensores del Chaco, em Assunção, Paraguai
Data: 21 de novembro de 2017, terça-feira
Horário: 22h15 (horário de Brasília)
Árbitro: Víctor Carrillho (Peru)

LIBERTAD: Rodrigo Muñoz; Luis Cardozo (Alan Benítez), Antolín Alcaraz, Paulo Da Silva e Salustiano Candia; Antonio Bareiro, Ángel Cardozo Lucena, Sergio Aquino e Jesús Medina; Santiago Salcedo Salcedo e Óscar Cardozo
Técnico: Fernando Jubero

INDEPENDIENTE: Martín Campaña; Gastón Silva, Alan Franco, Nicolás Tagliafico e Juan Sánchez Miño; Nicolás Domingo, Diego Rodríguez, Maximiliano Meza e Ezequiel Barco; Juan Martínez e Emmanuel Gigliotti
Técnico: Ariel Holan