Independiente goleia e fica perto da semifinal da Copa Sul-Americana

São Paulo, SP

25-10-2017 22:18:20

O Rei de Copas está muito perto de mais uma semifinal de um torneio de mata-mata. Na noite dessa quarta-feira, o Independiente não tomou conhecimento do Nacional em pleno estádio Defensores del Chaco, em Assunção, no Paraguai. Melhor em campo o tempo todo, os argentinos golearam por 4 a 1 e agora podem até mesmo perder em casa, no estádio Libertadores da América, por 3 a 0, no confronto de volta, que mesmo assim garantem a classificação à próxima fase da Copa Sul-Americana.

Apesar do caráter decisivo, Independiente e Nacional não adotaram qualquer estratégia de ‘estudos’ nos primeiros minutos e partiram em busca de gols. Dessa forma, o jogo se transformou em uma verdadeira diversão para quem acompanhou e de muita apreensão para os torcedores das duas equipes, que ora lamentavam uma chance desperdiçada, hora agradeciam pelo susto levado.

Mas quem saiu na frente foram os visitantes. Salgueiro pisou na bola e acabou armando o contra-ataque para o Independiente, que trabalhou rápido até a bola chegar a Meza, que só tocou no canto, fora do alcance do goleiro Rojas.

Toda a alegria da fanática torcida vermelha, que compareceu em bom número no Paraguai, durou apenas seis minutos, porque em cobrança de escanteio pela direita, Salgueiro colocou a bola na área e depois de um primeiro desvio, Caballero deixou tudo igual.

Até o fim da primeira etapa, as duas equipes se alternavam nos contra-ataques. O ritmo não caia e os jogadores perdiam oportunidades claras de gol. Esse pecado acabou fazendo mais falta para os donos da casa, já que o segundo tempo foi completamente dominado pelo Independiente.

Logo aos três minutos, Leandro Fernández colocou o time argentino na frente novamente com cabeçada certeira. Aos 24, Barco sofreu pênalti claro e Leandro Fernández fez mais um, apesar de precisar aproveitar o rebote da bela defesa do goleiro Rojas.

A vitória, que já era expressiva, se tornou em goleada aos 31, quando Leandro Fernández e Albertengo ficaram livres diante do goleiro e tocaram a bola um para o outro até Albertengo ter a tranquilidade de tocar para o gol vazio. 4 a 1 e praticamente vaga garantida na semifinal da Copa Sul-Americana.

Com isso, cresce a chance do clássico de Avellaneda acontecer, já que o Racing, apesar da derrota por 1 a 0 para o Libertad no primeiro jogo, segue mais do vivo na disputa com o segundo jogo marcado para o seu estádio Cilindro.

Deixe seu comentário