Futebol Inglês

Estádio Old Trafford | 27/08/2018

Futebol Internacional/Campeonato Inglês

Com dois de Lucas, Tottenham bate United e segue 100% no Inglês

São Paulo , SP
27/08/2018 17:55:34 — 27/08/2018 18:45:06

Em: Futebol, Futebol Inglês, Futebol Internacional, Manchester United, Tottenham

Fechando a terceira rodada do Campeonato Inglês nesta segunda-feira, um jogo alucinante do começo ao fim no Old Trafford. Vindo de derrota, o Manchester United recebeu o Tottenham buscando a recuperação na competição. No entanto, não fez a lição de casa. Em noite inspirada do brasileiro Lucas, os Spurs levaram a melhor e triunfaram pelo placar de 3 a 0.

O primeiro tempo foi bastante movimentado no Old Trafford. O Manchester United teve maior posse de bola e criou mais, enquanto o Tottenham apostou nos contra-ataque e chegou a assustar em algumas ocasiões. Boas atuações dos brasileiros Lucas (Tottenham) e Fred (United), e o placar foi inalterado para o segundo tempo.

A etapa completar começou alucinante, com ambos os times indo para cima em busca do primeiro gol. E quem se deu melhor foram os Spurs, dois gols em dois minutos: Kane, aos seis, e Lucas, aos oito. No fim do jogo, o brasileiro balançou as redes novamente, ampliando para os visitantes e anotando seu terceiro gol em três jogos na Premier League.

O United volta a campo no próximo sábado, quando visita o Burnley, às 11h (de Brasília). O Tottenham, por sua vez, encerra a rodada mais uma vez, quando visita o Watford no domingo, ao meio dia (de Brasília).

Lucas marcou seu terceiro gol em três jogos pelo Tottenham (Foto: Oli Scarff/AFP)

O jogo

Primeiro tempo agitado, mas sem gols

O primeiro tempo começou agitado e corrido. O Manchester United tinha mais posse de bola nos minutos iniciais, enquanto o Tottenham se defendia bem e apostava nos contra-ataques. Ainda nos primeiros segundos da partida, os donos da casa tiveram boa chance de inaugurar o marcador, quando o brasileiro Fred conseguiu o domínio dentro da área e bateu à esquerda do gol de Lloris.

Os visitantes seguiam bem fechados, tentando tirar os espaços dos anfitriões e arriscavam nos contragolpes e lançamentos. Um deles, aos 13 minutos, resultou em boa oportunidade, mas Kane não conseguiu o dpmínio dentro da área depois de receber na medida de Eriksen.

Os Red Devils mantinham a pressão no ataque em busca do primeiro gol. Dois minutos depois da chance desperdiçada pelo artilheiro dos Spurs, Lukaku protagonizou um lance incrível, após vacilada de Danny Rose, que recuou fraco para Lloris. Nesse momento, o belga se adiantou, ficou a bola, driblou o goleiro e, mesmo sem ângulo, finalizou com perigo. A bola, porém, passou por todo o gol e saiu por pouco do outro lado.

Três minutos mais tarde, aos 18 minutos, mais uma boa chance para os Reds. Lingard lançou bem Shaw, que dominou com liberdade na esquerda e cruzou rasteiro para a área. Lukaku bateu travado, e Lloris fez boa defesa, salvando o time visitante.

O Tottenham tentava armar o jogo, mas sem sucesso. Aos 24 minutos, quando enfim teve uma boa chance de estufar as redes, Dele Alli foi fominha. Matic vacilou na saída de bola e perdeu para o inglês, que invadiu a área sozinha e tinha Kane como opção. No entanto, tentou a jogada individual e acabou sendo desarmado.

A resposta dos donos da casa veio imediatamente. Dois minutos depois, a equipe chegou bem pela esquerda, Frd cruzou na cabeça de Lukaku, que novamente finalizou à esquerda da meta de Lloris.

Com 28 jogados, polêmica no Old Trafford. O brasileiro Lucas girou para cima da marcação, invadiu a área já cambaleando e caiu. O árbitro apenas mandou o jogo seguir. Na sequência, mais uma resposta do United, que cresceu na reta final do primeiro tempo. Fred dominou na direita, pedalou, ajeitou a bola e bateu no canto direito do goleiro, mas a bola saiu por muito pouco.

Fred, muito bem no jogo, chamava a responsabilidade para si e começou mais uma boa chegada dos Reds. O brasileiro ajeito para Pogba, que finalizou bem para boa defesa de Lloris. No rebote, matic finalizou truncado e a bola passou perto da meta.

Nos minutos finais, os Spurs foram para cima e desperdiçaram duas boas chances. A primeira, aos 39, quando Lucas dominou na área e rolou para Eriksen, que finalizou de perna esquerda, parando na defesa de De Gea, que caiu para ficar com a bola.

A segunda oportunidade e última antes do intervalo, Dele Alli recebeu bom lançamento na esquerda da área, dominou e, bem na hora de finalizar, foi travado por Ander Herrera.

Começo de segundo tempo alucinante e dois gols em sequência

A partida voltou com tudo para a segunda etapa. O United foi para cima nos primeiro segundos, com Luke Shaw, que deixou Trippier para trás e tocou na entrada da área para Pogba. O francês dominou e bateu firme de direita, mandando a bola à direita do gol.

A reação do Tottenham foi imediata e certeira. Depois de desperdiçarem duas chances, no primeiro e no terceiro minutos, no quarto, Kane não perdoou. Em cobrança de escanteio de Trippier, Harry Kane subiu mais que todo mundo e cabeceou no canto de De Gea, que nem sequer foi na bola: 1 a 0.

Sem chances para respirar, os Reds responderam com Lukaku, que recebeu na esquerda da área e chutou cruzado. Mas Lloris estava lá para salvar o time visitante.

Na sequência, um balde de água fria na reação dos donos da casa. Eriksen recebeu na medida de Trippier na frentee chegou pela direita com liberdade. Ele rolou a bola para dentro da área e Lucas chegou de trás já finalizando de primeira, para estufar as redes e ampliar para o Tottenham.

Ao se ver atrás no placar, depois de ter sofrido dois gols em dois minutos, José Mourinho não perdeu tempo e mexeu no time, buscando a reação. E a equipe foi para cima. Aos 15, Sánchez lançou Lukaku na área, o belga ajeitou de cabeça e deixou Lingard na cara do gol. Na finalização, porém, o zagueiro atrapalhou e a bola acabou indo por cima da meta.

Os Spurs não estavam satisfeitos com apenas dois gols e queriam o terceiro. E quase conseguirem na bobeada Lindelof, que recuou muito fraco para De Gea. Dele Alli  se antecipou ao goleiro, driblou, mas acabou sem ângulo. Ele girou e chutou para o gol, para defesa do arqueiro espanhol.

Os Red Devils não desistiram até o fim e se lançaram ao ataque, tendo boas chances no fim da partida. Aos 33, Lukaku invadiu a área pela direita, disputou com a zaga e rolou para trás. Lingard chegou batendo de primeira, mas a bola passou por cima do gol.

Logo na sequência, sem dar chances para o Tottenham respirar, Sánchez ,mandou uma pancada de primeira, sem tirar o pé do chão. Seria um golaço, mas a bola acabou saindo.

Lucas balança a rede pela segunda vez e decreta o placar no Old Trafford

Para desespero da torcida, Lucas, inspirado, marcou um golaço e ampliou a vantagem dos visitantes. No contra-ataque, o brasileiro ficou no mano a mano com Smalling, levou a melhor sobre o zagueiro e bateu cruzado para estufar as redes de De Gea.

Os donos da casa continuavam tentaram e levaram perigo, porém sem êxito. Vale ressaltar a boa partida do goleiro Lloris, que fechou o gol e salvou os Spurs em diversas ocasiões.

Confira os confrontos da terceira rodada do Campeonato Inglês, respeitando o horário de Brasília:

Sábado
8h30 Wolves 1 x 1 Manchester City
11h Bournemouth 2 x 2 Everton
11h Huddersfield 0 x 0 Cardiff
11h Southampton 1 x 2 Leicester
11h  Arsenal 3 x 1 West Ham
13h30 Liverpool 1 x 0 Brighton

Domingo
09h30: Watford 2 x 1 Crystal Palace
12h00: Fulham 4 x 2 Burnley
12h00: Newcastle 1 x 2 Chelsea

Segunda-feira
16h00: Manchester United 0 x 3 Tottenham