Guardiola coloca expulsão de Bravo como ponto chave na derrota do City

São Paulo, SP

20-10-2016 10:15:45

A larga vitória do Barcelona sobre o Manchester City por 4 a 0 na primeira partida entre as equipes na Liga dos Campeões de certa forma surpreendeu o mundo do futebol. Para o técnico Pep Guardiola, o City conseguiu jogar de igual para igual com 11 em campo, mas a expulsão do goleiro Claudio Bravo no começo do segundo tempo foi ponto chave para o resultado.

“Sempre é difícil jogar contra o Barça com onze, com dez, então, é mais. Até a expulsão a partida estava aberta, controlávamos, chegávamos a área e criamos chances para marcar”, afirmou o treinador catalão, que novamente foi derrotado com facilidade dentro do Camp Nou – na temporada 2014/15, o Bayern de Munique comandado por Pep foi derrotado por 3 a 0 na semifinal da Liga dos Campeões no estádio blaugrana.

Manchester City's Spanish coach Pep Guardiola looks on before the UEFA Champions League football match FC Barcelona vs Manchester City at the Camp Nou stadium in Barcelona on October 19, 2016.  / AFP PHOTO / PAU BARRENA
Guardiola mais uma vez saiu derrotado como visitante no Camp Nou (Foto: Pau Barrena/AFP)

Contratado por sua habilidade com os pés, Bravo, antigo goleiro do Barça, saiu chutando errado e deu a bola para Luis Suarez. Na sequência, para impedir o gol do uruguaio, o arqueiro chileno usou as mãos fora da área e levou o cartão vermelho de forma direta. “Ele irá aprender com isso e irá continuar”, declarou Pep sobre o goleiro.

Guardiola, mesmo com a derrota, elogiou a postura de sua equipe, que teve chances claras de gol, todas defendidas pelo alemão Marc-Andre Ter Stegen. “Somos uma nova equipe e jogamos com personalidade. Não foi uma quartas de final, teremos mais partidas para classificar e analizaremos o que se passou”, comentou.

“Sempre me pareceu muito bom. Desde que o conheci já fazia essas coisas e segue fazendo. Como ele evoluiu? Ele que deve falar sobre isso”, completou o treinador, falando sobre o argentino Lionel Messi, autor de três dos quatro gols do Barcelona na vitória desta quarta.

Pelo grupo C da Champions, o Barça segue 100% na primeira colocação com 9 pontos (13 gols marcados e apenas um sofrido). Apesar do resultado, o City manteve o segundo posto, com quatro tentos. A chave ainda tem o Borussia Monchengladbach (três pontos) e o Celtic (um ponto).

Deixe seu comentário