Gazeta Esportiva

Rafinha fala sobre lesão no Choque-Rei: “Vou ficar uma semaninha de molho”

São Paulo, SP

24/01/23 | 19:02

O lateral-direito Rafinha comentou sobre a lesão sofrida no clássico contra o Palmeiras, no último domingo, no Allianz Parque. O experiente jogador rompeu o ligamento do tornozelo esquerdo no segundo tempo da partida, mas, aparentemente, não deverá demorar muito tempo para retornar aos gramados.

“Lance sozinho, acabei torcendo o pé, rompi o ligamento do tornozelo, vou ficar uma semaninha de molho. Não tem uma data certa, mas vou ficar um pouquinho de molho. Lance sozinho, achei que não tinha acontecido nada, mas no lance seguinte já vi que tinha perdido a força no tornozelo”, disse Rafinha em entrevista ao Flow Sport Club.


Aos 37 anos, Rafinha é o jogador mais experiente do elenco do São Paulo. Titular na estreia da equipe em 2023, contra o Ituano, e contra o Palmeiras, o jogador é um dos homens de confiança do técnico Rogério Ceni, mas, por uma infelicidade, se tornou um novo desfalque para o Tricolor neste início de ano.

“Já sou um jogador experiente, a quilometragem é alta, joguei bastante. Como o gramado é sintético, eles já estão acostumados. Jogada boba, meu pé ficou preso e acabei torcendo. Já joguei outras vezes no gramado do Palmeiras, nunca tive problema, mas, infelizmente, desta vez acabei torcendo. Infelicidade mesmo de ficar com o pé preso no gramado”, completou.

Rafinha e Nahuel Ferraresi, que rompeu o ligamento cruzado anterior do joelho direito e terá de passar por cirurgia, foram encaminhados para uma clínica logo após a partida para a realização de exames de imagem. Inicialmente acreditava-se que o lateral-direito poderia ter sofrido uma lesão mais grave, semelhante à de Arboleda, mas tudo não passou de uma entorse no tornozelo esquerdo.

Na Copa do Mundo de 2022, no Catar, Neymar sofreu uma entorse no tornozelo, rompendo o ligamento da região, mas, como lesões nessa articulação costumam ser menos complicadas em comparação com lesões no joelho, por exemplo, o craque brasileiro conseguiu voltar a jogar pela Seleção após desfalcar o time em duas partidas.

Além de Rafinha, Igor Vinícius é outro lateral-direito que não está à disposição do técnico Rogério Ceni. O camisa 2 do São Paulo vem sofrendo com dores no púbis e, inclusive, não treinou nesta terça-feira. Com isso, para o duelo com a Portuguesa, na próxima quinta, no Morumbi, a tendência é que Orejuela seja titular no setor.

Deixe seu comentário