Brilho dentro de campo e cobranças: Daniel Alves completa um ano de São Paulo

São Paulo, SP

01-08-2020 15:25:00

No primeiro dia de agosto de 2019, o São Paulo anunciava um dos reforços de maior peso de sua história. Daniel Alves chegou com pompa e com um vasto currículo de títulos, com a esperança de ajudar o Tricolor a alcançar outro patamar dentro de campo e reencontrar o caminho das conquistas.

Um ano depois de ser oficializado pelo time do Morumbi, Daniel Alves conseguiu provar dentro de campo que é diferenciado tecnicamente, porém não foi capaz de conduzir a equipe ao título na primeira oportunidade que teve, já que o clube foi eliminado do Campeonato Paulista pelo Mirassol.

O início da trajetória de Daniel Alves no São Paulo foi marcado por uma indefinição em relação ao seu posicionamento. Apesar de ter se consagrado mundialmente como lateral-direito, o jogador desembarcou no Brasil com a camisa 10, nunca escondendo sua vontade de atuar no meio-campo.


No entanto, houve uma demora para que o experiente atleta tivesse sua posição definida na equipe. Com Cuca, Daniel Alves passou pelos dois setores e foi apenas com Fernando Diniz que foi consolidado no meio-campo. Ao lado de Tchê Tchê, passou a ter um peso importante na saída de bola, jogando como uma espécie de segundo volante.

Se em 2019 o desempenho do jogador não foi dos mais convincentes, nesta temporada Daniel Alves provou que tem capacidade para liderar a equipe, tanto tecnicamente quanto em termos de comando. Não à toa, foi escolhido como capitão do time e passou a ter um papel importante no vestiário e também dentro de campo, como uma extensão de Diniz.

Desde o início da temporada, Daniel Alves disputou 13 partidas e marcou cinco gols. Além disso, mesmo aos 37 anos, mostrou estar muito bem fisicamente, não sendo substituído em nenhum dos jogos de 2020. Mesmo sendo o principal destaque técnico do Tricolor, o camisa 10 não escapou de cobranças.

Por ter o salário mais alto do elenco, Daniel Alves recebe uma atenção especial dos torcedores no que diz respeito à expectativa de desempenho e conquistas. Não à toa, após a eliminação para o Mirassol, o jogador foi alvo de uma nota da organizada Independente. Na publicação, o meio-campista foi questionado: "Veio para quebrar o São Paulo ou ser campeão?".

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do São Paulo?