Futebol/Mercado

Robinho deve ficar e pode até estender seu vínculo com o Peixe

Do correspondente Tiago Salazar - Santos , SP -
18/01/2015 17:05:00

Em: Bastidores, Futebol, Região Sudeste, Santos

Aos 30 anos, Robinho segue valorizado e despertando interesse em diversos clubes, tanto do Brasil quanto do exterior. O Rei das Pedaladas é atualmente a principal estrela do Santos e a grande esperança da torcida diante de tantos problemas que o clube vem atravessando, principalmente no que se diz respeito a saída de jogadores.

Por conta disso, a diretoria santista já está trabalhando em cima da ideia de segurar o camisa 7 e até mesmo estender seu vínculo com o Peixe, já que o contrato de empréstimo do atacante se encerra no meio do ano. O alvinegro praiano vai propor um novo contrato de empréstimo até agosto de 2016, data que encerra o vínculo do atleta com o Milan, da Itália. Os moldes do acordo seriam os mesmos já firmados no atual contrato. Caso o Milan, dono dos direitos econômicos de Robinho, recebe uma proposta de compra de qualquer clube do mundo, o Santos é obrigado a liberar o jogador na hora, sem custos.

Robinho nunca garantiu sua permanência no Santos, mas sempre deixou claro que pretende seguir fazendo história no time que o revelou para o futebol. Nesta semana, inclusive, Robinho confessou ter recebido propostas do Flamengo e de outras agremiações.

“Houve, sim (proposta do Flamengo). No futebol, interesse e propostas a gente tem de todos os lados. Com toda a humildade, eu não tive proposta só do Flamengo. Mas a torcida do Santos pode ficar despreocupada e a diretoria também. Sou verdadeiro e minha vontade é permanecer aqui”, revelou o craque ao site globoesporte.com.

“Sou verdadeiro e minha vontade é permanecer aqui”, disse Robinho sobre sua situação no Santos
“Sou verdadeiro e minha vontade é permanecer aqui”, disse Robinho sobre sua situação no Santos – Credito: Ivan Storti/Santos FC

Maior salário do atual elenco santista, Robinho também tem sofrido com os atrasos salariais. Porém, sensível à crise financeira do clube, o jogador tem sido ‘parceiro’ da nova diretoria e ajudado na relação com os jogadores, principalmente os mais jovens.

“Mesmo eu, sendo ídolo, o meu está atrasado, até mais do que o dos caras. Eu que joguei na Europa, eles pedem para eu segurar para pagar os outros”, admitiu o jogador bicampeão brasileiro, campeão da Copa do Brasil e campeão Paulista com a camisa do Santos.

Enderson Moreira já deixou claro que nem sonha em montar o time do Santos para esta temporada sem a presença de sua principal estrela.

“Claro que não! Acredito que ele fique, que possa permanecer. É a grande referência. Robinho é muito importante, qualificado, está em uma fase muito boa. A gente quer e deseja que ele continue e esteja a frente da equipe no ano”, disse o técnico, que deve passar a faixa de capitão ao ídolo santista após a saída de Edu Dracena.




×
Quer receber notícias do Santos?