Futebol

Dorival Jr: oito finais de Estadual e seis títulos nos últimos 12 anos

Do correspondente Tiago Salazar - Santos , SP
08/05/2016 18:11:13 — 08/05/2016 19:04:16

Em: Audax, Brasileiro Série A, Campeonato Paulista, Futebol, Santos
Dorival levou o Peixe a mais um título neste domingo (Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)
Dorival levou o Peixe a mais um título neste domingo (Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)

A final do Campeonato Paulista deste domingo trouxe mais um título para o Santos e, consequentemente, para o currículo do técnico Dorival Júnior. Apesar do momento especial, a situação não é nova nem para o clube nem para o treinador. Se o Peixe chega ao seu quinto título em oito decisões seguidas, o comandante conquistou sua sexta taça de uma competição estadual nos últimos 12 anos, além de dois vices.

A lista do técnico alvinegro tem o Figueirense, em 2004, como ponto de partida. Naquele ano, Dorival levou a equipe catarinense ao título. Dois anos depois, repetiu a dose com o Sport, em Pernambuco. No ano seguinte, levou o São Caetano ao vice paulista depois de derrota justamente para o Santos.

Mas, em 2008, Dorival Júnior se recuperou com o título paranaense liderando a campanha do Coritiba. O faixa de campeão paulista perdida em 2007 veio justamente com o Santos, em 2010, antes do segundo vice, desta vez com o Atlético-MG, em 2011, logo ofuscado com a conquista do Campeonato Gaúcho de 2012, com o Internacional.

Depois de desbancar o Osasco Audax, neste domingo, na Vila Belmiro, Dorival Júnior alcançou seu sexto título em sua oitava final de Estadual nos últimos 12 anos. Mesmo assim, o treinador, ainda jovem, não estranha a falta de reconhecimento nacional.

“Sou realista. Se me perguntar: é uma obsessão ganhar? Não tenho. Tenho vontade muito grande, mas não obsessão desmedida. Só vai acontecer o reconhecimento, é só no momento, quando há conquista. Do contrário, é difícil acontecer. Com a equipe de 2010, (a dúvida) era ‘será que vai repetir na final?’. Repetiu. ‘Campeão da Copa do Brasil?’. Foi. No Brasileiro (2015), era o quarto (colocado) até um momento. São sempre questionamentos”, lamentou, porém, conformado com o que qualifica como problema cultural do país.

“Mesmo chegando às finais, buscando resultados e revelando jogadores, de um modo geral, não é só com o Dorival em si (a falta de reconhecimento), vai acontecer com todo treinador brasileiro. E não vamos mudar essa postura. Vai ser sempre a cobrança. Nunca vai estar estabilizado”, opinou.

Além dos estaduais, o técnico do Peixe também já se sagrou campeão da Copa do Brasil com o próprio Alvinegro praiano em 2010, antes do vice no ano passado, e colocou o Vasco na Série A depois de vencer o Campeonato Brasileiro da Série B com o Cruz-Maltino em 2009. Com o Internacional de Porto Alegre, conquistou seu único título internacional na carreira: a Recopa Sul-Americana de 2011.

As oito finais e os seis títulos de Dorival em Estaduais:

2004 – Figueirense campeão Catarinense
Venceu quadrangular contra Atlético de Ibirama, Chapecoense e Guarani

2006 – Sport campeão Pernambucano
Santa Cruz 1 x 2 Sport
Sport 0 x 1 Santa Cruz (5 a 4 para o Sport nos pênaltis)

2007 – São Caetano vice-campeão Paulista
São Caetano 2 x 0 Santos
Santos 2 x 0 São Caetano (Campeão pela melhor campanha)

2008 – Coritiba campeão Paranaense
Coritiba 2 x 0 Atlético-PR
Atlético-PR 2 x 1 Coritiba (Campeão pelo gol fora de casa)

2010 – Santos campeão Paulista
Santo André 2 x 3 Santos
Santos 2 x 3 Santo André

2011 – Atlético-MG vice-campeão Mineiro
Atlético-MG 2 x 1 Cruzeiro
Cruzeiro 2 x 0 Atlético-MG

2012 – Internacional campeão do Gauchão
Caxias 1 x 1 Internacional
Internacional 2 x 1 Caxias

2016 – Santos campeão Paulista
Audax 1 x 1 Santos
Santos 1 x 0 Audax

Outros títulos de Dorival:

2009 – Vasco, campeão Brasileiro da Série B

2010 – Santos campeão da Copa do Brasil
Santos 2 x 0 Vitória
Vitória 2 x 1 Santos

2011 – Internacional campeão da Recopa Sul-Americana
Independiente-ARG 2 x 1 Internacional
Internacional 3 x 1 Independiente-ARG

2015 – Santos vice-campeão da Copa do Brasi
Santos 1 x 0 Palmeiras
Palmeiras 2 x 1 Santos (Palmeiras venceu nos pênaltis por 4 a 3)




×
Quer receber notícias do Santos?