Em duelo recheado de brasileiros, Shakhtar vira em cima da Roma

São Paulo, SP

21-02-2018 18:48:52

O confronto entre Shakhtar Donetsk e Roma certamente teve a atenção total de Tite, técnico que vai comandar a Seleção Brasileira na Copa do Mundo da Rússia ainda esse ano. Isso porque a partida válida pelas oitavas de final da Liga dos Campeões chegou a ter nada menos que oito jogadores brasileiros em campo. E neste cenário quem se deu bem foi Fred. O volante da equipe ucraniana marcou o gol da vitória de virada por 2 a 1 em cima dos italianos no estádio Metalist. Apesar do revés, o goleiro Alisson se destacou com duas defesas espantosas pela Roma.

O resultado faz com que o Shakhtar Donetsk jogue por qualquer empate no estádio Olímpico da capital italiana, dia 13 de março. Resta a Roma vencer, nem que seja por 1 a 0, para garantir vaga nas quartas de final, já que o gol fora de casa segue sendo usado como critério de desempate na Champions.


Apesar do frio de -7°C, com direito a neve no entrono do campo gramado, os jogadores iniciaram a partida a mil, com muita disposição e cientes da importância do resultado para o futuro de suas temporadas.

O Shakhtar entrou em campo com Fred, Ismaily, Bernard, Taison e Marlos entre os titulares. Do outro lado, Alisson era o representante brasileiro. Mas, quem abriu o placar foi o jovem turco Cengiz Ünder, depois de linda assistência de Dzeko aos 40 minutos.

Na etapa final, o panorama mudou. A Roma tentou adiantar a marcação, mas acabou cedendo espaços desnecessários, pois tinha vantagem e jogava fora de casa. O erro custou caro. Logo aos seis minutos, Facundo Ferreyra empatou o jogo.

O gol abateu os visitantes e encheu o time ucraniano de coragem. A pressão foi forte. E aí brilhou o goleiro Alisson. Com duas grandes defesas, uma delas em chute no ângulo de Taison, o camisa 1 manteve a Roma viva na disputa.

Mas, quando Fred ganhou de presente uma falta na entrada da área, não deu para Alisson. O volante meteu na gaveta. A bola ainda teve o capricho de tocar no travessão antes de balançar as redes. Foi o gol da virada e da vitória do Shakhtar Donetsk.

Ainda deu tempo do meia-atacante Gerson e do lateral direito Bruno Peres entrarem para tentar ajudar a Roma. E se não foram efetivos com gol, ao menos Bruno Peres salvou os italianos de levarem um prejuízo ainda maior. Aos 45, o lateral tirou uma bola em cima da linha de forma inacreditável.

Alan Patrick e Dentinho também estavam à disposição no banco de reservas, mas acabaram não sendo utilizados pelo treinador do Shakhtar. Assim como o zagueiro Juan de Jesus na Roma.

Dessa forma, o confronto do dia 13 de março promete. O Shakhtar está em vantagem, mas a Roma só precisa de uma vitória simples diante de seus torcedores para voltar às quartas de final da Liga dos Campeões, o que não acontece desde 2008, e vingar a eliminação justamente para a equipe ucraniana em 2011.

FICHA TÉCNICA
SHAKHTAR DONETSK-UCR 2 x 1 ROMA-ITA

Local: Estádio Metalist, em Kharkiv, na Ucrânia
Data: 21 de fevereiro de 2018, quarta-feira
Horário: 16h45 (horário de Brasília)
Árbitro: William Collum (Escócia)
Assistentes: David McGeachie e Francis Connor (Escócia)
Cartões amarelos: Taison e Facundo Ferreyra (SHA); Perotti (ROM)

GOLS
Shakhtar: Facundo Ferreyra, aos 6, e Fred, aos 25 minutos do 2T
Roma: Cengiz Ünder, aos 40 minutos do 1T

SHAKHTAR DONETSK: Pyatov; Butko, Rakitsky, Kryvtsov (Ordets) e Ismaily; Stepanenko, Fred, Bernard (Kovalenko), Taison e Marlos; Facundo Ferreyra
Técnico: Paulo Fonseca

ROMA: Alisson; Florenzi (Bruno Peres), Fazio, Manolas e Koralov; Nainggolan (Defrel), De Rossi e Strootman; Dzeko, Perotti e Cengiz Ünder (Gerson)
Técnico: Eusebio Di Francesco

Deixe seu comentário