João Mário exalta retorno de Éder à seleção portuguesa e elogia CR7

São Paulo, SP

03-10-2017 16:28:17

A convocação da seleção de Portugal para as duas últimas partidas das Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo ganhou um nome especial. Herói da conquista da Eurocopa de 2016 ao marcar o gol na final contra a França, Éder retornou à lista do técnico Fernando Santos. Nesta terça-feira, o meia João Mário comemorou a volta de seu companheiro de equipe, principalmente prestes a uma sequência que pode definir os rumos do país em busca de uma vaga no Mundial de 2018.

"Ficamos sempre muito felizes por ver o Éder aqui conosco. É um jogador muito especial para nós e para Portugal pelos motivos que todos já sabem. Ele veio com intenção de ajudar e espero que ele consiga contribuir", enalteceu o atleta, que atua pela Inter de Milão, da Itália.

Os elogios, porém, não se limitaram ao "herói" da seleção portuguesa. João Mário também fez questão de exaltar o grande craque do time, o atacante Cristiano Ronaldo. Para o meia, o camisa 7 têm ainda mais condições de ser decisivo nos próximos compromissos, já que conseguiu fazer três gols em uma mesma partida na última convocação mesmo fora de ritmo por estar suspenso no futebol espanhol.

"Na última concentração, ele estava sem ritmo de jogo e mesmo assim fez três gols em um jogo. Podemos esperar sempre o máximo dele. É o melhor jogador do mundo e vem sempre com muita vontade de ajudar", exaltou.

Disputando ponto a ponto a vaga direta na Copa do Mundo com a Suíça, Portugal terá a chance de garantir a vaga no Mundial em confronto marcado entre as duas equipes na última e decisiva rodada do Grupo B das Eliminatórias Europeias, quando os portugueses recebem os suíços no Estádio da Luz, às 15h45(de Brasília) da próxima terça-feira. Os lusos, porém, terão que antes fazer sua parte contra a modesta Andorra, vice-lanterna da chave, em duelo marcado para o próximo sábado.

João Mário pediu atenção aos atletas de Portugal, exigindo que pensem cada jogo por vez. "Respeitamos todos os adversários. Já enfrentamos Andorra anteriormente. É uma equipe agressiva e, jogando em casa, criou muitas dificuldades para Hungria e Suíça. Vamos encarar o jogo com muito respeito, mas tentaremos vencê-los, claro", afirmou. "Primeiro temos que vencer Andorra para depois disputar a tal final com a Suíça. Continuamos a depender só de nosso desempenho para passar em primeiro do grupo. Este é o ponto mais importante", completou.

O Grupo B conta com apenas duas seleções com chances de classificação. A Suíça lidera com 24, enquanto Portugal está na segunda posição, com 21. As duas equipes, porém, se enfrentam na última e decisiva rodada. Apesar de os suíços poderem ir para o jogo com vantagem na pontuação, os portugueses irão atuar em casa e, por possuírem um saldo de gols muito superior, necessitam apenas de uma vitória simples caso confirmem o provável triunfo sobre Andorra. Apesar da disputa pela vaga direta, quem terminar no segundo lugar da chave ainda terá uma chance de ir ao Mundial na repescagem.

Deixe seu comentário