Com MCN em casa, PSG segue 100% e vê atrito de Neymar com Cavani

São Paulo , SP
17/09/2017 17:53:08 — 17/09/2017 23:37:02

Em: Futebol, Futebol Francês, Lyon, Paris Saint Germain
Cavani ganhou disputa com Neymar por pênalti, mas desperdiçou a cobrança (Foto: Christophe Simon/AFP)

O Paris Saint Germain estreou o trio Mbappe, Cavani e Neymar no Parque dos Príncipes com vitória durante a tarde deste domingo. Em uma partida equilibrada, marcada por um atrito entre o brasileiro e o uruguaio, o time mandante bateu o Olympique de Lyon por 2 a 0.

Com 18 pontos ganhos em seis partidas disputadas, o PSG lidera o Campeonato Francês de maneira isolada. O Monaco, dono da segunda colocação, tem três pontos a menos. Já o Lyon, após sofrer sua primeira derrota no torneio, segue com 11 pontos e cai para o quinto posto.

Pela sétima rodada do Campeonato Francês, o Paris Saint-Germain volta a campo para enfrentar o Montpellier no próximo sábado, na condição de visitante. Já o Olympique de Lyon, desta vez dentro de casa, encara o Dijon no mesmo dia, no Stade des Lumieres.

Neymar foi participativo durante o primeiro tempo, mas parou no goleiro Anthony Lopes. O brasileiro chegou a levar perigo ao tentar um gol olímpico e depois de tirar a marcação na entrada da área, exigindo boas intervenções do arqueiro de nacionalidade portuguesa.

O Lyon deu uma demonstração de força durante o segundo tempo. Após cobrança de escanteio pela esquerda, Tete cabeceou e Thiago Silva precisou afastar. Pouco depois, NDombele arriscou de longe e a bola explodiu no travessão da meta defendida por Areola.

O PSG finalmente conseguiu inaugurar o marcador aos 29 minutos do segundo tempo. Colocado no lugar de Draxler, o argentino Lo Celso limpou a marcação pela esquerda e cruzou para Cavani desviar na primeira trave. A bola ainda tocou no zagueiro Marcelo antes de entrar.

Aos 32 minutos, o árbitro viu pênalti de Mendy sobre Mbappe. Após vencer a concorrência com Neymar pela cobrança, Cavani ajeitou a bola, enquanto o brasileiro, aparentemente insatisfeito, se preparou para o rebote. O uruguaio bateu no canto direito de Anthony Lopes e viu o goleiro fazer grande defesa.

O PSG assegurou o triunfo quatro minutos antes do final do tempo regulamentar. Mbappe recebeu de Neymar livre e bateu para defesa de Lopes. Em uma jogada rápida, Morel, que acompanhava a jogada, acabou completando para o fundo do próprio gol.