Pendurados passam ilesos, e Palmeiras zera cartões nas quartas

Bruno Ceccon - São Paulo , SP
21/03/2019 09:00:22

Em: Campeonato Paulista, Escolha do editor, Futebol, Palmeiras

Pelo terceiro ano consecutivo, o Palmeiras encara o Novorizontino nas quartas de final do Campeonato Paulista. Com os pendurados ilesos no confronto com a Ponte Preta, o time comandado pelo técnico Luiz Felipe Scolari terá seus cartões amarelos zerados para a próxima fase.

O lateral esquerdo Diogo Barbosa e o volante Thiago Santos, pendurados com dois cartões, foram titulares na vitória sobre a Ponte Preta, mas conseguiram evitar as advertências. Apenas o meio-campista Jean e o atacante Felipe Pires tomaram amarelo.

Cauteloso, Felipão não relacionou os pendurados Felipe Melo, Mayke, Moisés e Borja, além de Luan, que se recupera de lesão. Os cartões amarelos são zerados ao fim da primeira fase, mas, caso advertidos no último jogo, os atletas precisariam cumprir suspensão.

O atacante Deyverson, com lesão na coxa direita, é desfalque certo para o Palmeiras contra o Novorizontino. O zagueiro Luan, em transição física, também não deve jogar, enquanto o atacante Carlos Eduardo sentiu o tornozelo contra a Ponte Preta e é dúvida.

Por outro lado, Felipão terá dois ‘reforços’ para as quartas de final. O treinador confirmou as inscrições do zagueiro Juninho e do centroavante Arthur Cabral, já que pode fazer até quatro trocas na lista inicial de 26 jogadores, mas não deu pistas sobre os atletas que serão cortados.

A Federação Paulista de Futebol (FPF) define as datas e horários dos jogos nesta quinta-feira, mas a série entre Palmeiras e Novorizontino já começa no final de semana. Com melhor campanha, o time alviverde tem o direito de decidir dentro de casa.




×
Quer receber notícias do Palmeiras?