Futebol/Campeonato Inglês

Sem dificuldades, United bate o Fulham fora de casa pelo Inglês

São Paulo , SP
09/02/2019 12:40:29

Em: Futebol, Futebol Inglês, Futebol Internacional, Manchester United

O Manchester United visitou o Fulham, neste sábado, e não deu chances para a zebra no estádio Craven Cottage. Sem tomar muitos sustos, os Diabos Vermelhos fizeram um bom jogo e venceram por 3 a 0 pela 26ª rodada do Campeonato Inglês.

O United não precisou de muito esforço para conquistar os três pontos. Mesmo não criando muitas chances, a equipe aproveitou as falhas da zaga do Fulham e não teve dificuldades. Com o jogo sob controle, o treinador Ole Gunnar Solskjaer pôde sacar Pogba, Martial e Andar Herrera durante o segundo tempo, pensando no confronto contra o PSG pela Champions League.

Com a vitória deste sábado, o United entrou, ainda que momentaneamente, no G4. O clube chegou aos 51 pontos e ultrapassou o Chelsea, que tem 50. Para se manter na zona de classificação para a Champions League, os Diabos Vermelhos precisam torcer pelo rival, Manchester City, que enfrenta os Blues neste domingo, às 14h.

Já o Fulham se complicou ainda mais na tabela. Com apenas 17 pontos, a equipe pode ver Cardiff ou Southampton se distanciarem ainda mais. Curiosamente, estes dois times se enfrentam neste sábado.

Na próxima rodada do Campeonato Inglês, o Manchester United tem clássico duro com o Liverpool no Old Trafford. Já o Fulham visita o West Ham no Estádio Olímpico de Londres.

Sem muito esforço, o United venceu o Fulham por 3 a 0 (Foto: Ian Kington/AFP)

O jogo

Apesar da posse de bola ser maior para os mandantes, o United foi mais perigoso e efetivo no Craven Cottage. O Fulham tentava chegar pelas pontas para cruzar em direção ao centroavante Mitrovic, porém o camisa 9 estava bem marcado por Smalling. Os Diabos Vermelhos aproveitaram a fraca defesa do adversário e abriram boa vantagem no primeiro tempo.

Não demorou muito para o United abrir o placar. Aos 14 minutos, Ander Herrera impediu um contra-ataque do Fulham e acionou Martial pela esquerda. O atacante francês percebeu a infiltração de Pogba e deu um passe para o compatriota, que acertou um belo chute de primeira, sem chances para o goleiro Sergio Rico.

Logo aos 23, o Manchester ampliou a vantagem. Martial recebeu a bola ainda no campo de defesa e arrancou em velocidade. O camisa 11 passou com facilidade por Ler Marchand e, na entrada da área, bateu na saída de Sergio Rico.

O Fulham ainda quase diminuiu aos 43 minutos. A zaga do United tirou mal e a bola caiu nos pés de Chambers, que, de primeira, acertou um chute forte. O goleiro De Gea voou no canto esquerdo para fazer bela defesa.

No segundo tempo, os times demoraram para criar boas chances de gol. Até que, aos 19 minutos, Lukaku puxou um contra-ataque com velocidade e tocou para Mata, que aparecia pelo meio. O espanhol foi derrubado na área e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Pogba bateu no canto esquerdo do goleiro Sergio Rico, que quase chegou na bola.

As únicas jogadas que levavam perigo pelo lado dos mandantes eram os cruzamentos para Mitrovic, que estava bem marcado pela zaga do United. Aos 27, o camisa 9 recebeu a bola aérea e, mesmo entre dois defensores, cabeceou no canto esquerdo de De Gea. O goleiro espanhol conseguiu encaixar a bola sem sustos.

Na jogada seguinte, o Manchester quase ampliou a vantagem. Alexis Sanchéz, que entrou no lugar de Martial, aproveitou mais uma bobeira da zaga do Fulham e saiu cara a cara com Sergio Rico, que fez ótima defesa.

O jogo esfriou, sem muitas chances para cada lado. A tensão só voltou aos 44, quando Mitrovic e De Gea se enroscaram. Ambos discutiram e quase partiram para a agressão, mas foram contidos pelos companheiros. O árbitro amarelou os dois, finalizando a confusão.