Yuri Alberto desencanta, Corinthians goleia Atlético-GO e pega o Flu nas semis da Copa do Brasil

Marina Bufon - São Paulo,SP

17/08/22 | 23:23 - 17/08/22 | 23:49

Em meio a turbulências causadas por resultados recentes, o Corinthians jogou bola, reverteu um placar adverso e passou para as semifinais da Copa do Brasil, nesta noite, na Neo Química Arena, ao golear o Atlético-GO por 4 a 1, com hat-trick de Yuri Alberto. Com isso, a equipe comandada por Vítor Pereira enfrentará o Fluminense, que eliminou o Fortaleza mais cedo.

Os primeiros minutos foram de muita intensidade, com chances claras de abertura de placar para os donos da casa, principalmente com Róger Guedes, que pararam no goleiro Renan. O camisa 10 chegou a acertar a trave no final da primeira etapa, mas foi Gil quem testou para o fundo das redes, abrindo o marcador.

Na etapa complementar, o Timão voltou com o mesmo fôlego, e Yuri Alberto não perdoou e fez logo três para "espantar" a má fase, balançando as redes aos quatro, 11 e 26 minutos. O resultado deu a vaga direta ao Alvinegro, que havia perdido por 2 a 0 no Antônio Accioly.

E MAIS: Saiba quanto o Corinthians embolsou com a classificação!

Agora, o Corinthians volta suas atenções para o Campeonato Brasileiro, no qual é o terceiro colocado. O próximo compromisso será contra o Fortaleza, no domingo, às 18h (de Brasília), na Arena Castelão.

Para assistir ao clube, o torcedor alvinegro precisará desembolsar uma alta quantia. Já o Atlético-GO receberá o Cuiabá no mesmo dia e horário no Antônio Accioly.


O jogo

Chances e um gol

No primeiro lance do jogo, boa jogada pela direita, com Adson mandando para Yuri Alberto, que cruzou e foi travado. Pouco depois, Du Queiroz passou para Róger na esquerda, que limpou a jogada e chutou, para grande defesa de Renan.

Em grande jogada, Du Queiroz passou para Renato, que inverteu para Róger na esquerda, ele entrou na área e foi derrubado, mas o árbitro mandou seguir. O Timão seguiu pressionando, com chute forte de Yuri Alberto pela direita, defendido pelo goleiro.

Em novo lance partindo de trás, Róger lançou para Yuri Alberto, que alcançou a bola e cruzou para trás, mas defesa cortou antes de chegar em Adson. Depois de várias chegadas sem sucesso, com trocas rápidas de passes, Adson passou para Renato aos 19. Ele chutou meio de cobertura, mas Renan ficou com a bola.

Aos 30, Renato abriu na direita, passou para Fagner, que fez o cruzamento rasteiro, mas a defesa tirou na hora. Alguns minutos depois, Róger Guedes carregou a bola pelo meio e chutou, parando no travessão. Partindo para o final do primeiro tempo, Renato Augusto recebeu na direita e cruzou direto na cabeça de Gil, que subiu mais alto e colocou a Arena abaixo, abrindo o marcador.

Yuri desencanta e Timão carimba a vaga

Enquanto o Atlético trocou Jorginho por Airton, o Timão voltou sem mudanças após o intervalo. Os donos da casa seguiram pressionando, ainda em busca do gol. Partindo pelo lado direito, Fagner cruzou para a área com perigo, mas Yuri escorregou e não ficou com a bola.

Pouco depois, porém, o camisa 9 não desperdiçou. Róger Guedes dominou na entrada da área, limpou a jogada e passou para Yuri na esquerda, que mandou forte no meio das pernas de Renan, fazendo seu primeiro gol com a camisa do clube.

Mal ele comemorou e logo fez o segundo (terceiro do jogo), após cobrança de falta de Renato Augusto, de cabeça. Com o placar, o pé saiu um pouco do acelerador e o Dragão passou a ficar um pouco mais com a bola. Um chute, enfim, aconteceu, com Wellington Rato.

Aos 26, porém, a noite era mesmo de Yuri Alberto. Depois de chutão de Gil, Renato ajeitou e a bola ficou com o camisa 9, que invadiu a área e chutou por cima de Renan, para fazer o seu terceiro na partida.

Com a Fiel em festa, o Corinthians administrou o resultado, sem ser ameaçado pelo Dragão, até os 40 minutos, quando Wellington Rato soltou uma bomba colocada em jogada ensaiada e conseguiu fazer o gol. Já nos acréscimos, Gustavo Silva quase ampliou em chute colocado, que passou perto do gol.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 4 X 1 ATLÉTICO-GO

Local: Neo Química Arena, em São Paulo (SP)
Data: 17 de agosto de 2022 (quarta-feira)
Horário: às 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Bruno Arleu de Araujo (FIFA-RJ)
Auxiliares: Guilherme Dias Camilo (FIFA-MG) e Rodrigo Figueiredo Correa (FIFA-RJ)
VAR: Rafael Traci (SC)
Cartões amarelos: Wellington Rato (Atlético-GO); Raul Gustavo (banco), Yuri Alberto, Giovane, Cássio e Cantillo (Corinthians)
GOLS: Corinthians: Gil, aos 41 minutos do 1º tempo; Yuri Alberto, aos 4, 11 e 26 do 2º tempo. Atlético-GO: Wellington Rato, aos 42 minutos do 2º tempo.
Público pagante: 42.837 // Público geral: 43.195
Renda: R$ 2.678.934,00

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Gil, Balbuena e Fábio Santos; Du Queiroz (Giuliano), Fausto Vera e Renato Augusto (Cantillo); Adson (Gustavo Silva), Róger Guedes (Giovane) e Yuri Alberto (Jr Moraes). Técnico: Vítor Pereira.

ATLÉTICO-GO: Renan; Dudu (Hayner), Wanderson, Lucas Gazal e Jefferson (Arthur Henrique); Baralhas (Peglow), Marlon Freitas, Léo Pereira (Ricardinho), Wellington Rato, Jorginho (Airton) e Luiz Fernando. Técnico: Jorginho.

Deixe seu comentário