Sem concentração, Tite tenta amenizar efeitos da sequência de jogos

Helder Júnior - São Paulo,SP

23-03-2015 19:30:00

O sistema tático “4-1-4-1”, que tanto gosta de ressaltar em suas entrevistas coletivas, não foi a única novidade que o técnico Tite trouxe do seu ano sabático. O Corinthians também tem se concentrado menos em vésperas de jogos desde que o comandante reocupou o lugar de Mano Menezes.

O sistema tático “4-1-4-1”, que tanto gosta de ressaltar em suas entrevistas coletivas, não foi a única novidade que o técnico Tite trouxe do seu ano sabático. O Corinthians também tem se concentrado menos em vésperas de jogos desde que o comandante reocupou o lugar de Mano Menezes.

Para a comissão técnica, a estratégia se tornou ainda mais importante em meio à exaustiva sequência de jogos que o elenco enfrenta no Campeonato Paulista. Nesta terça-feira, apenas dois dias após a vitória por 3 a 2 sobre o Capivariano, haverá compromisso diante da Portuguesa. Já o adversário de quinta-feira será o Penapolense. No domingo, o Corinthians visitará o Bragantino.

“A comissão está conseguindo levar bem essa situação. Faz algum tempo que eles estão tirando as concentrações, então as nossas famílias agradecem. Os jogadores ficam mais felizes assim”, sorriu o volante Bruno Henrique, que se recuperou de uma luxação no cotovelo esquerdo e reforçará um time repleto de reservas diante da Portuguesa.

Tite e o inseparável Cléber Xavier acharam melhor poupar o time das noites no CT (foto: Daniel Augusto Jr.)
Tite e o inseparável Cléber Xavier acharam melhor poupar o time das noites no CT (foto: Daniel Augusto Jr.) - Credito: Divulgação/Agência Corinthians
Assim como os demais relacionados para a partida, Bruno Henrique passará a noite desta segunda-feira em casa. “A reapresentação só será às 11 horas. É algo que ameniza um pouco”, comentou Cléber Xavier, auxiliar de Tite.

Deixe seu comentário