Corinthians oferece contrato de três anos e meio a Jô e salário é o único obstáculo a ser vencido agora

Tiago Salazar - São Paulo,SP

16-06-2020 21:31:55

O Corinthians ofereceu um contrato de três anos e meio de duração a Jô, conforme apurou a Gazeta Esportiva. O centroavante, que completou 33 anos em março, portanto, ficaria vinculado ao clube paulista até dezembro de 2023.

Jô deixou o Timão após a conquista do título do Campeonato Brasileiro de 2017 e se transferiu ao Nagoya Grampus. O contrato com o clube japonês iria até dezembro deste ano, mas já foi rescindido entre as duas partes de maneira amigável.

Desde então, o jogador tem conversado com os dirigentes alvinegros para acertar seu retorno ao Brasil. O que há no momento é um acordo verbal e vontade de ambos os lados. Falta acertar a questão financeira, que remete ao salário do atleta.

Nesta terça-feira, o diretor de futebol do Corinthians, Duílio Monteiro Alves, explicou que o teto do clube não será extrapolado por causa de Jô.

“Estamos falando de valores que não vão ultrapassar o teto salarial do clube. Temos muita calma. Esperamos que o Corinthians chegue nos valores. A vontade do Jô em voltar também pesa. Não vou dizer que está muito adiantada, mas está adiantada, sim. Espero que em breve a gente tenha uma boa notícia”, afirmou o dirigente à Rádio Transamérica.

O presidente do Corinthians já chegou a afirmar que Jô só não assinou contrato ainda porque isso só será feito depois que o clube acertar a pendência com o restante do elenco. A gestão aguarda o recebimento do valor obtido com a venda de Pedrinho para quitar os atrasos com os jogadores.

Jô não entra em campo desde 7 de dezembro de 2019, ano em que fez 37 partidas e marcou apenas oito gols, bem diferente da temporada anterior, quando salvou sua equipe do rebaixamento e acabou como artilheiro após 24 gols também depois de 37 jogos.

Pedido por Tiago Nunes, a cria do Terrão deve ser o único reforço do Corinthians em meio a uma crise financeira agravada pela paralisação do futebol em reflexo a pandemia do coronavírus. A saída de Vagner Love abriu a brecha para uma nova passagem do ex-camisa 7 da equipe.


 

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do Corinthians?