Bruno Mazziotti não dá prazo de retorno para Renato Augusto no Corinthians

Marina Bufon - São Paulo,SP

21/07/22 | 08:00

O fisioterapeuta Bruno Mazziotti, consultor do Corinthians, vem fazendo um trabalho específico com o meio-campista Renato Augusto para que ele retorne 100% aos gramados, como já divulgado pelo próprio clube na manhã da última quarta-feira.

No entanto, o profissional deixou em aberto o retorno do atleta para os jogos de mata-mata contra o Flamengo, o primeiro deles já no início de agosto.

“Não descarto nada. Na verdade, quem descarta são os resultados, a avaliação do dia a dia, seria irresponsabilidade da minha parte tomar essa decisão, ela é compartilhada”, falou na zona mista após a vitória por 3 a 1 sobre o Coritiba.

“Não existe prazo. A gente vem trabalhando forte para que o Renato tenha condição. Ele está doido para entrar em campo fazendo aquilo que ele sabe fazer, mas são lesões que tem que ter cuidado, senão posso perder o atleta para o resto da temporada”, continuou.


“A responsabilidade é minha, no sentido de pautar e orientar o trabalho com o atleta. É frear um pouco essa ansiedade dele, talvez da própria comissão de contar com o atleta, mas eu sei exatamente o que fazer e a ideia é trabalhar em cima das necessidades dele, que vem se apresentando de forma favorável, e a cada semana a gente vem trazendo esse panorama. Não significa que ele vá ficar quatro meses parado, pode acontecer se você não gerir bem esse tipo de situação, mas estamos trabalhando em cima disso”, finalizou o profissional.

Renato Augusto está fora dos gramados desde o dia 19 de junho, quando foi titular na vitória por 1 a 0 sobre o Goiás. Desde então, o jogador vem tratando de uma lesão na musculatura do solear (região da panturrilha), "uma musculatura extremamente solicitada", segundo Mazziotti.

Sem Renato, o Corinthians venceu o Coritiba por 3 a 1 na noite da última quarta-feira e retornou à segunda posição do Brasileirão, agora com 32 pontos. No domingo, visita o Atlético-MG, no Mineirão, às18h (de Brasília).

Deixe seu comentário