Edu Gaspar assume responsabilidade por pai de Neymar no vestiário

São Paulo , SP
06/06/2019 06:00:30 — 06/06/2019 10:24:29

Em: Brasil, Futebol

Após sofrer entorse no tornozelo direito, Neymar deixou o amistoso contra o Catar, disputado na noite de quarta-feira, ainda no primeiro tempo e encontrou o pai já nos vestiários do Estádio Mané Garrincha. Ele foi autorizado a acessar o espaço para encontrar o filho por Edu Gaspar, coordenador da CBF.

Após o final da partida, Tite concedeu entrevista coletiva ao lado de Edu Gaspar. Ao ouvir um questionamento sobre a presença do pai de Neymar no vestiário durante a partida, medida criticada por muitos, o dirigente tomou a palavra para tentar justificar o episódio.

“Eu estava vendo o jogo na tribuna. Assim que houve a lesão, fui informado que o pai do Neymar estava próximo ao vestiário e me perguntaram se estava autorizado a entrar. Obviamente, autorizei, pensando que seria importante para ao atleta ter o pai próximo em um momento como esse”, declarou.

Por meio de nota postada em seu site oficial já na madrugada desta quinta-feira, a CBF confirmou que a lesão sofrida por Neymar durante o amistoso contra o Catar impossibilita seu aproveitamento no torneio. Assim, Tite precisará escolher um substituto.

No último amistoso antes da Copa América, a Seleção Brasileira enfrenta Honduras às 16 horas (de Brasília) deste domingo, no Beira-Rio. No primeiro jogo pelo torneio continental, às 21h30 de 14 de junho, o time comandado por Tite pega a Bolívia, no Morumbi.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com