Santana diz que o Atlético-MG “demorou a acordar” contra o Grêmio

São Paulo , SP
25/05/2019 21:26:05

Em: Atlético-MG, Brasileiro Série A, Futebol

O técnico interino do Atlético-MG, Rodrigo Santana, lamentou a demora do seu time em praticar um bom futebol na noite deste sábado, contra o Grêmio, em Porto Alegre. Na avaliação do treinador, o clube até fez um bom jogo em grande parte do segundo tempo. Porém, como já estava atrás no placar, não conseguiu reverter a derrota por 1 a 0 para os mineiros.

“Todo início e final de jogo tomar gol complica. Tomar gol incomoda, ainda mais de bola parada. A gente demorou para acordar. Quando foi acordar neste segundo tempo até praticamos um bom futebol, mas saímos com a derrota”, avaliou, reclamando da liberdade que os anfitriões tiveram no começo do jogo.

“No primeiro tempo a gente não pressionava quem estava com a bola, os volantes do Grêmio tiveram muita liberdade. No segundo a gente tirou mais o espaço e começou a crescer. (…) O Grêmio é tinha só dois pontos, mas é muito forte aqui dentro também”, continuou Santana. Para ele, a equipe podia ter feito mais desde o começo.

“A gente treina as três fases do jogo, não dá para vir aqui e ficar só defendendo. No momento em que a gente roubava, tínhamos que partir em velocidade. Ficamos devendo, precisávamos jogar mais. Foi o que a gente conseguiu corrigir no intervalo”, concluiu o comandante.

O resultado fez com que o Galo estacionasse nos 12 pontos conquistados, ainda na vice-liderança da competição até o início dos jogos do domingo. O líder Palmeiras, porém, já abriu quatro pontos de vantagem para os mineiros devido ao triunfo sobre o Botafogo, em Brasília.

Na próxima rodada, a equipe mineira enfrenta o CSA-AL, no domingo, em Belo Horizonte. Antes, porém, tenta se manter vivo na Copa Sul-Americana. Depois de perder o duelo de ida para o Unión La Calera-CHI por 1 a 0, os atleticanos recebem os chilenos na terça-feira, no Independência.