Pilotos da Fórmula 1 protestam contra o racismo antes do GP da Áustria

São Paulo, SP

05-07-2020 10:19:36

A Fórmula 1 tem se engajado mais com questões sociais neste ano. Depois de anunciar uma campanha de combate ao racismo e desigualdade de gênero, os pilotos e mecânicos respeitaram um minuto de silêncio, em respeito às vítimas do coronavírus, de joelhos, um gesto que ficou popularizado pela luta antirracista.


Os pilotos também usaram uma camisa preta, com a mensagem de "fim do racismo" e "vidas negras importam".

Lewis Hamilton, um ativista, cobrou diversas vezes um posicionamento da F1 com estas causas e os pedidos foram atendidos.


A temporada 2020 da Fórmula 1 começou neste domingo com o GP da Áustria.

Deixe seu comentário