Fã de Senna, Hamilton participa de homenagem em São Paulo

José Victor Ligero - São Paulo,SP

08-11-2017 15:28:02


Fã confesso de Ayrton Senna, Lewis Hamilton reafirmou nesta quarta-feira a sua admiração pelo ex-piloto brasileiro. Em São Paulo, onde ocorrerá o GP do Brasil no próximo domingo, o britânico disse ter construído sua carreira inspirado no tricampeão de Fórmula 1, que foi homenageado em evento organizado pela equipe Mercedes.

“Tenho um carinho especial pelo Brasil por causa do Senna. Desde o começo, sonho em fazer algo parecido. Estou buscando melhorar como piloto, não só na pista, mas fora também, interagindo com as pessoas”, disse Hamilton, em uma casa de eventos na Zona Sul da capital paulista.

Após a entrevista coletiva, o britânico participou de uma homenagem da principal patrocinadora da Mercedes a Ayrton. Presente na cerimônia, Viviane Senna, irmã do ex-piloto, recebeu um carro em nome do Instituto Ayrton Senna. A peça foi pintada pelo afamado grafiteiro Eduardo Kobra, que ilustra Hamilton com o capacete em verde e amarelo, com o qual já disputou diversas corridas.

Com a voz embargada pela emoção, a presidente do instituto disse se sentir honrada pela homenagem e exaltou a carreira de Hamilton. “O Ayrton deixou um legado de vitórias e títulos, que está baseado numa coisa muito mais importante do que simplesmente ganhar. Ele tinha valores. O Ayrton não ganhava pelo jeitinho, com trapaças, mas com honestidade”, afirmou Viviane.

“Gosto muito de você Lewis, pelo carinho que tem pelo Ayrton, que é genuíno. Isso faz toda a diferença. A gente sempre esteve junto nos seus grandes momentos. Sempre procuramos enaltecer os seus recordes”, acrescentou.

Disputando a principal categoria do automobilismo desde 2007, Hamilton ultrapassou Ayrton Senna em número de títulos (4 a 3), vitórias (62 a 41) e poles position (72 a 65). Com 333 pontos, o britânico conquistou o tetracampeonato após terminar em nono lugar no GP do México, realizado no final de semana retrasado. A corrida em Interlagos está marcada para este domingo, a partir das 14 horas (de Brasília).

Deixe seu comentário