Líder da Superliga com o Sesc RJ, Giovane vê jogo perigoso contra Ribeirão

São Paulo, SP

20-12-2018 12:36:05

O Sesc Rio até tem motivos para ficar tranquilo para o próximo embate, que acontece na sexta-feira. Líderes da Superliga, eles encaram o Vôlei Ribeirão, apenas décimo colado da disputa. O time carioca ainda entra em quadra com o apoio da torcida no ginásio do Tijuca T.C, às 17h. Apesar da soma de fatores, o técnico dos donos da casa não parece tranquilo.

Até agora, os comandados por Giovane Gávio acumulam 25 pontos em oito vitórias e apenas duas derrotas. Do outro lado da quadra, o Ribeirão já sofreu sete reveses e soma apenas três vitórias. Se os números poderiam também confortar o ex-atleta, Giovane prefere manter os pés no chão.

“O Vôlei Ribeirão é um adversário perigoso, tem um ataque muito forte com Alisson, Ricardo e o Gabriel, que jogou comigo na seleção brasileira B”, analisou Giovane. “Apesar de não estarem numa boa posição na tabela, não vai ser um jogo fácil, não existe jogo fácil, e temos que quebrar o passe deles, sacar bem para diminuir esse volume ofensivo”, destacou.

“É um jogo que vale muito. Vale a manutenção da liderança, fechar o primeiro turno na frente, e esse é o nosso principal objetivo”, ressaltou Gávio. O embate válido pela décima primeira e última rodada do turno será isolado. Isso porque os outros cinco jogos serão realizados apenas no sábado.

Deixe seu comentário