Gazeta Esportiva |

Nuzman garante testes de vírus nas águas da Guanabara e mantém otimismo

Em Bastidores, Mais Esportes, Olimpíadas 2016
Publicado em 01/09/2015 14:34:06 Compartilhe
São Paulo , SP
fsfsfsfsfsfsffs
Presidente do COB vem sendo pressionado após um estudo que detectou presença de vírus nas águas da Guanabara (Foto: Sebastian Feval / AFP)

O presidente do Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos Rio 2016, Carlos Arthur Nuzman, continua otimista no que diz respeito à despoluição da Baía da Guanabara. Nesta terça-feira, em reunião com membros do COI (Comitê Olímpico Internacional) em Londres, Nuzman garantiu que as águas da Baía estarão em condições para receber os mais de 1400 atletas da vela que devem competir no local durante as Olimpíadas.

“A qualidade da água é um dos nossos pontos de atenção, e garanto que a saúda e o bem-estar dos atletas continua sendo nossa prioridade”, disse Nuzman. “Uma Guanabara mais limpa será um dos muitos legados dos Jogos, e não tenho dúvidas de que poderemos realizar as competições de vela na Baía”, completou.

O comitê organizador vem sendo cada vez mais pressionado, principalmente após a divulgação de um estudo encaminhado pela agência Associated Press que detectou a presença de um grande número de vírus fatais na água da Guanabara. Tudo isso somado à internação do alemão Erik Heil com uma infecção na perna após competir no local durante o evento-teste da vela.

Apesar dos problemas de desconfiança, Nuzman pediu ao COI que “não desista da Guanabara”, e garantiu que a Baía estará despoluída até o final do ano. “Posso garantir que estamos trabalhamos todos os dias e que não teremos nenhum problema”.

Comente