Multicampeão e ídolo, Guerrinha deixa comando do Bauru

São Paulo, SP

16-10-2015 19:37:35

Jorge Guerra, o Guerrinha, não é mais técnico do Paschoalotto/Bauru. Nesta sexta-feira, o comitê gestor da equipe do interior paulista se reuniu e decidiu pelo fim da segunda passagem do treinador, que rendeu diversas conquistas ao clube, a mais importante delas a Liga das Américas, neste ano.

Guerrinha esteve à frente do Bauru em sete edições do NBB (Novo Basquete Brasil). Em 255 jogos, conquistou 157 vitórias, e levou o vice-campeonato na temporada 2014/2015. Um ano antes, Guerrinha levou o time paulista à conquista medalha de bronze.

O técnico teve sua primeira passagem no início dos anos 2000, quando levou o título nacional (2002). Em 2006, Guerrinha retornou ao time e foi um dos responsáveis pela reestruturação do basquete na cidade. Tal importância fez com que o treinador recebesse o título de cidadão bauruense da prefeitura.

Na segunda passagem, Paulo Guerra levou o bicampeonato paulista (2013 e 2014), os Jogos Abertos (2014), a Liga Sul-Americana (2014) e o troféu Cláudio Mortari (2014/2015), além da Liga das Américas.

Recentemente, Guerra finalizou seu trabalho com o vice-campeonato no Mundial de Clubes contra o real Madrid, no Ibirapuera, em setembro, e com os amistosos contra New York Knicks e Washington Wizards na pré-temporada da NBA.

“O Paschoalotto/Bauru enaltece a brilhante carreira e toda a dedicação de Jorge Guerra para com o time bauruense. O Comitê Gestor destaca o termino de um ciclo de muitas conquistas dentro e fora das quadras”, disse o clube em nota oficial.

Deixe seu comentário