Gazeta Esportiva |

STJD do Atletismo intima Ana Cláudia Lemos a depor em audiência

Em Atletismo, Mais Esportes, Olimpíadas 2016
Publicado em 11/04/2016 19:00:49 Compartilhe
São Paulo , SP
Ana Paula Lemos pode ser desfalque no Brasil nas Olimpíadas de agosto (Foto: Wagner Carmo/CBAt)
Ana Cláudia Lemos está suspensa preventivamente desde o final de março (Foto: Wagner Carmo/CBAt)

 

A velocista brasileira Ana Cláudia Lemos foi intimada pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) do Atletismo, nesta segunda-feira, para comparecer a uma audiência em São Paulo para prestar depoimento sobre o teste positivo nos exames antidoping. A atleta foi flagrada com a substância Oxandrolona, em março, durantes testes realizados fora do período de competição.

Ana Cláudia Lemos está suspensa preventivamente desde o dia 29 de março, a pedido da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt). Testada positivamente para Oxandrolona em 8 de março, a velocista pediu a contraprova no dia seguinte. A amostra B, divulgada pelo Laboratório Brasileiro de Controle de Dopagem (LBCD) em 24 de março, revelou novamente a presença da substância proibida no organismo atleta.

O processo de Ana Cláudia Lemos foi encaminhado ao STJD do Atletismo, que analisará o caso e tomará as medidas cabíveis, já que o Tribunal Único que julgará os episódios de doping está em vias de ser instalado.

Recordista brasileira e sul-americana da prova de 200m rasos, com um tempo de 22s48, a velocista pretendia participar das competições em pista aberta no mês de abril, como preparação para a Olimpíada do Rio de Janeiro. Suspensa, Ana Cláudia Lemos corre o risco de ficar de fora dos Jogos Olímpicos.

Comente