Atletismo/Corrida Internacional de São Silvestre

Jorge Ben Jor disputou seletiva da São Silvestre em 1968

André Sender - São Paulo, SP - Brasil
24/12/2014 10:00:35

Em: Atletismo, Corrida Internacional de São Silvestre, Mais Esportes

Antes de se tornar uma prova disputada por milhares de atletas, a Corrida Internacional de São Silvestre era restrita a corredores de elite, convidados pela organização ou definidos em preliminares. Em 1968, o cantor Jorge Ben Jor disputou a seletiva, mas não conseguiu classificação ao evento de 31 de dezembro.

Naquele ano, a São Silvestre, então com percurso de 8.700m, foi disputada por 320 atletas. Destes, 250 se classificaram por meio da 15ª Preliminar Paulista, realizada em 15 de dezembro com 700 atletas. Um deles era Jorge Ben Jor, que não conseguiu vaga para correr na tradicional prova.

Jorge Ben tentou classificação à São Silvestre de 1968
Jorge Ben tentou classificação à São Silvestre de 1968 – Credito: Reprodução/A Gazeta Esportiva

Apesar da aventura no atletismo, a paixão do cantor brasileiro é o futebol, evidenciada em diversas músicas de sua carreira. Fio Maravilha, País Tropical, Camisa 10 da Gávea, Umbabarauma, Zagueiro e Cadê o Pênalti, por exemplo, têm referências claras ao esporte mais popular do mundo

O vencedor da Preliminar de 1968, disputada com o mesmo trajeto da Corrida Internacional de São Silvestre, foi Orides Alves, que completou os 8.700m de percurso em 25min41s, seguido por José Marques e Belino da Silva. Dos 250 classificados pela seletiva, 20 eram atletas do Corinthians.

A largada foi na Avenida Paulista, 900, em frente ao Edifício da Fundação Cásper Líbero, mesmo local da chegada depois de passagem pela Avenida Brigadeiro Luiz Antônio, Largo São Francisco, Rua Líbero Badaró, Avenida São João, Avenida Ipiranga e Rua da Consolação.

Pouco mais de duas semanas depois da Preliminar, o belga Gaston Roelants brilhou ao cruzar este percurso em 24min32s e conquistar seu quarto e último título da Corrida Internacional de São Silvestre.