Tardelli visita o CT do Corinthians antes de se apresentar à Seleção

Helder Júnior - São Paulo , SP
26/09/2017 18:31:46 — 26/09/2017 19:16:40

Em: Brasil, Corinthians, Eliminatórias Copa do Mundo, Eliminatorias Sul-Americanas, Futebol
Diego Tardelli foi acompanhado pelo ex-fisioterapeuta do Corinthians, Bruno Mazziotti (Foto: Bruno Cantini/CAM)

Convocado para defender a Seleção Brasileira nas duas últimas rodadas das Eliminatórias para a Copa do Mundo, contra Bolívia e Chile, o atacante Diego Tardelli esteve no CT do Corinthians na tarde desta terça-feira. O jogador de 32 anos atualmente defende o Shandong Luneng, da China, e já iniciou a sua preparação para agradar ao técnico Tite quando se apresentar à Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Tardelli conheceu a estrutura de trabalho do Corinthians ciceroneado pelo fisioterapeuta Bruno Mazziotti, que foi funcionário do clube, trazido pelo ex-centroavante Ronaldo, até receber um convite do técnico Mano Menezes para se transferir ao Shandong Luneng, no final de 2015.

Tardelli e Mazziotti chegaram a pisar no gramado do CT quando o técnico Fábio Carille supervisionava um treinamento para os seus jogadores reservas. A maioria dos titulares permaneceu nas dependências internas do local, realizando trabalho regenerativo, já que o Corinthians enfrentou o São Paulo no domingo e folgou na segunda-feira.

Representante do Corinthians na Seleção Brasileira, o goleiro Cássio achou graça de que a presença de Tardelli suscite comentários sobre uma possível negociação com o Corinthians. “Reforços para todas as posições seriam uma boa. Sabemos da qualidade dele e também que é muito difícil, porque está sendo convocado pela Seleção, jogando bem pelo seu time e fazendo gols. A tendência é ficar por lá. Mas também estamos muito contentes com o grupo que temos”, comentou.

Cássio ainda falou sobre o fato de atletas que estão no exterior utilizarem as dependências de clubes paulistas, como é o caso de Tardelli, para preparação. “Acontece muito também com São Paulo, Palmeiras… Isso é legal. Mostra a organização da Seleção Brasileira”, disse o goleiro, ciente de que, no passado, o Corinthians já manifestou interesse na contratação do atacante revelado pelo rival São Paulo.