Futebol/Campeonato Espanhol

Com três de Messi, Barcelona goleia La Coruña e mantém caça ao Real

GazetaEsportiva.net - Corunha , - Espanha
18/01/2015 18:00:00

Em: Barcelona, Futebol, Futebol Espanhol, Futebol Internacional

O argentino Lionel Messi teve mais uma atuação inspirada para comandar o Barcelona em uma goleada, neste domingo. Mesmo fora de casa, o time dirigido por Luis Enrique venceu o Deportivo La Coruña por 4 a 0.

Messi balançou as redes três vezes no jogo, que teve ainda um gol contra do zagueiro brasileiro Sidnei. O resultado positivo levou o Barça aos 44 pontos, na segunda posição, enquanto o Real Madrid é o líder, com 45. Já o La Coruña aparece na 16ª colocação, com 17.

O time de Luis Enrique começou pressionando o adversário. Logo no início do jogo, Messi se livrou da marcação para receber cobrança rasteira de escanteio, mas o goleiro Fabrício fez a defesa. Porém, o La Coruña não conseguiu se segurar por muito tempo.

Messi marcou três gols na vitória sobre o Deportivo La Coruña (Foto: Miguel Riopa)
Messi marcou três gols na vitória sobre o Deportivo La Coruña (Foto: Miguel Riopa) – Credito: AFP
Aos 11, Rakitic fez um excelente cruzamento da direita, e Messi foi mais rápido do que a defesa para aparecer livre, cabeceando por cima do goleiro e abrindo o placar no estádio Riazor. Depois disso, o La Coruña tentou sair um pouco mais para buscar o empate, mas sem êxito.

Do outro lado, o Barça continuou levando perigo, até que ampliou a vantagem. Aos 33, depois de passe da esquerda de Neymar em busca de Suárez, Messi dominou em velocidade e saiu de frente para o goleiro, dando um leve toque por cima de Fabrício, que nada pôde fazer.

No segundo tempo, o Barcelona continuou com amplo domínio. Aos 16, depois de cobrança curta de escanteio, Messi fez jogada com Rakitic, encarou a marcação pela direita e finalizou para fazer um belo gol, seu terceiro na partida.

Com o placar tranquilo na frente, Luis Henrique tirou Neymar de campo pouco depois, para colocar Pedro. Iniesta e Busquets também foram preservados, dando suas vagas a Rafael Alcântara e Bartra.

Antes do fim, aos 37, o Barcelona ainda teve tempo de ampliar, com um gol contra. Depois de cruzamento da direita de Daniel Alves, Lopo tentou afastar, mas a bola bateu no brasileiro Sidnei e entrou na meta defendida por Fabrício, fechando o placar no Riazor.