Gazeta Esportiva

Jogadoras da Seleção revelam susto após "aposentadoria fake" de Marta

Marina Bufon* - São Paulo,SP

20/02/19 | 14:47


Na última terça-feira, a jogadora Marta completou 33 anos. Para a surpresa de todos, ela publicou em seu Instagram pessoal que, em 2019, se “dedicaria à família”. Com a confirmação nesta manhã que tudo não passava de uma ação de marketing de uma plataforma de streaming, as jogadoras da Seleção Brasileira demonstraram certo alívio pela permanência da atacante no elenco.

“Ela gosta da resenha, mas ela poderia ter comunicado a gente, deu um gelinho no coração”, brincou Camilinha. “A gente está prestes a disputar a Copa e ela vem com essa graça? A gente estava treinando todo dia, na Granja também, e aí de repente vem uma dessa, ela confundiu todo mundo. Mas eu tenho certeza que o foco dela está voltado totalmente ao Orlando Pride e à Copa do Mundo”, completou.

“Nós ficamos muito surpresas, nos perguntando o que estava acontecendo. Muitas pessoas mandaram mensagem perguntando se ela ia se aposentar da Seleção ou se ela ia sair do Orlando, mas a gente também não sabia o que estava acontecendo”, observou Debinha. “Eu sabia que tinha alguma coisa por trás. Eu sabia que ela não ia nos deixar”, comentou Mônica.

 

O técnico Vadão, ao contrário, mesmo afirmando não saber de nada, disse que não havia motivos para preocupação. “Ontem a gente não sabia, mas não teve nenhum impacto porque a Marta treinou a maior parte com a gente, na Granja, depois ela precisou ir embora. Temos monitorado os treinos dela porque ela estará no torneio, então nenhuma notícia chegou da Marta para a comissão técnica de que ela mudaria o rumo dela. Não deu (nenhum susto), só assustamos com a repercussão”, finalizou.

A Seleção Brasileira Feminina finalizou mais uma parte dos treinamentos visando a Copa do Mundo da categoria, que acontecerá em junho deste ano na França, nesta quarta-feira. Sem Marta, as atletas realizaram aquecimento e atividades de finalização em Itu, no interior de São Paulo. No próximo sábado, a comissão técnica e as jogadoras viajam para os Estados Unidos para a disputa do torneio She Believes, preparatório para o Mundial, onde duelará contra o time anfitrião, Inglaterra e Japão.

*Especial para a Gazeta Esportiva.

Deixe seu comentário