Assistente que anulou gol do Flu lamenta: "Prejudiquei a competição"

São Paulo, SP

04-09-2015 15:03:08

 

O assistente Fábio Pereira, pivô de uma das polêmicas de arbitragem da 22ª rodada do Campeonato Brasileiro, admitiu que errou ao marcar impedimento de Cícero no lance do gol do Fluminense contra o Corinthians, aos dez minutos da segunda etapa. Naquele momento, o Timão vencia por 1 a 0 e o empate tricolor poderia mudar a história do jogo.

“Prejudiquei o jogo e a competição. Foi um erro duro, o grande erro da minha carreira. Lamento pelos profissionais que prejudiquei, pelos jogadores, pela diretoria. Eu me sinto culpado”, admitiu o bandeirinha à Folha de S.Paulo.

Pereira foi afastado por tempo indeterminado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), na quinta-feira, assim como outros profissionais da arbitragem envolvidos em polêmicas na última rodada. No total, foram suspensos cinco bandeirinhas e um árbitro, que farão treinamentos teóricos e práticos na Escola Nacional de Arbitragem. Sobre o afastamento, Pereira o considerou correto.

“Não foi um erro aceitável. O lance não era complexo. Não era uma questão de interpretação. A comissão e a CBF estão certas e agora tenho de voltar para o treinamento, me aperfeiçoar”, disse.

O assistente ainda se mostrou revoltado com a hipótese levantada de favorecimento ao Corinthians. “É uma loucura dizer que tem complô (para beneficiar o Corinthians). Isso não existe. A gente não conseguiu ser perfeito, só isso. Quase tudo deu certo”, afirmou.

Deixe seu comentário