Vôlei/Superliga Feminina de Vôlei

Após título, técnico italiano deixa Minas para assumir Coreia do Sul

São Paulo , SP
03/05/2019 19:07:10

Em: Mais Esportes, Notícias, Superliga Feminina de Vôlei, Vôlei

Após quase dois anos no comando da equipe feminina de vôlei do Minas Tênis Clube, o treinador italiano Stefano Lavarini se despediu do time mineiro nesta sexta-feira para assumir um novo desafio: o de assumir a seleção sul-coreana.

Bicampeão mineiro, sul-americano e campeão da Copa Brasil e da Superliga desta temporada, Lavarini deixa as atuais campeãs nacionais rumo a Itália, onde passará poucos dias até embarcar para a Coreia do Sul. No oriente, o técnico terá o desafio de conduzir a equipe para as Olimpíadas de Tóquio-2020.

(Foto: Orlando Bento/MTC)

Em entrevista ao site do Minas, o italiano repercutiu sua trajetória e se despediu do país. “Foram temporadas fantásticas e não tem como contar de uma forma diferente, porque foi tudo muito além do esperado. O trabalho de todo mundo foi muito importante: o clube, a montagem do time, o comprometimento e a qualidade das meninas, o Departamento Médico e a nossa comissão técnica, que jamais me esquecerei”, contou.

“Quando eu resolvi deixar a Itália para vim para Belo Horizonte, eu não vim por dinheiro. Eu não vim porque queria, apenas, conhecer outra cultura. Eu queria aprender em uma escola importante do voleibol mundial, que é o Brasil, e queria ganhar experiência para a minha carreira. Eu acredito que consegui fazer isso. Agora, me joguei dentro de outro desafio, porque eu tenho o sonho de ter uma possibilidade de ir para a Olimpíada. Esse desejo é tão grande que vou enfrentar todas as dificuldades, porque quero participar dos Jogos Olímpicos de Tóquio”, completou.

(Foto: Orlando Bento/MTC)

Sob comando de Lavarini, o Minas voltou a faturar a Superliga na temporada 2019/2020, após 17 anos sem o título nacional, derrotando o rival local Praia Clube.