Franca ganha do Flamengo e é tricampeão do NBB - Gazeta Esportiva
Franca ganha do Flamengo e é tricampeão do NBB

Franca ganha do Flamengo e é tricampeão do NBB

Gazeta Esportiva

Por Redação

13/06/2024 às 20:37 • Atualizado: 14/06/2024 às 00:31

São Paulo, SP

O Franca é tricampeão do NBB. Nesta quinta-feira, a equipe paulista venceu o Flamengo por 69 a 59, no Maracanãzinho, e fechou as finais da competição com três vitórias, contra uma do Rubro-Negro.

Agora, o Franca comemora seu terceiro título do NBB, todos conquistados nas últimas temporadas. O time paulista também foi campeão em 2021/22 e 22/23. A equipe iguala o Lobos Brasília - segundo maior campeão com os mesmos três troféus -, que levantou a taça nas temporadas de 2009/10, 2010/11 e 2011/12.

O Flamengo foi o último time a ser campeão da NBB antes da hegemonia do Franca. A equipe carioca, maior campeã com sete títulos ao total, conquistou o torneio pela última vez na temporada 2020/21.

O duelo foi bem equilibrado em todas as etapas. No primeiro quarto, o Franca conseguiu vencer o Flamengo por 13 a 9, e as equipes empataram em 13 a 13 no segundo quarto. Com isso, os paulistas foram em vantagem para o intervalo.

O terceiro quarto foi decisivo para o Franca conquistar a competição. A equipe foi superior ao Flamengo e venceu por 15 a 9. Na última parte, as equipes empataram em 28 a 28, e o time paulista se sagrou tricampeão.



No fim, o Sesi Franca construiu sua vitória com base no jogo coletivo e na maior eficiência no perímetro. A equipe francana converteu 13 de 27 tentativas (48,1%) contra 1/31 (9,7%) do time rubro-negro. David Jackson foi o cestinha do tricampeão com 14 pontos, além de quatro assistências e 12 de eficiência. Lucas Dias também teve bom desempenho, com sete pontos, oito rebotes e seis assistências.

"Esse título representa o meu trabalho. Eu falo para os jogadores mais jovens que ninguém vê o que você faz no escuro. Precisa seguir trabalhando no escuro porque, quando chega na luz, será fácil. Hoje o nosso time lutou, lutou, conseguiu abrir um pouquinho, continuamos correndo, pegando rebotes e sabemos que a bola iria cair no momento certo. Estou muito feliz. Lutamos o ano todo nesse ano para chegar neste momento. Foi um ano difícil para nós e terminamos com campeão", afirmou Jackson.

Pelo lado do Flamengo, Gui Deodato enalteceu o desempenho da equipe na temporada. "Não dá para resumir apenas no último jogo. Chegamos em três finais. Representamos bem esta camisa. O resultado não apaga o que fizemos. Serve de aprendizado. Podemos tirar coisas maravilhosas da temporada. Essas derrotas nos fortalecem, cada um leva o aprendizado para si e isso é importante para se tornar mais vencedor", disse.

Conteúdo Patrocinado