Futebol/Campeonato Mineiro

Cruzeiro tenta acabar com jejum de vitória em clássicos contra o Galo

Do correspondente Wanderson Lima - Belo Horizonte , MG -
08/03/2015 09:22:00

Em: Atlético-MG, Campeonato Mineiro, Campeonatos, Campeonatos Estaduais, Cruzeiro, Futebol, Região Sudeste

O futebol mineiro tem dominado o Brasil nas últimas temporadas, conquistando os títulos mais importantes do país e do continente. O Cruzeiro é o atual bicampeão Brasileiro, enquanto o Atlético-MG venceu a Libertadores e a Copa do Brasil, ingredientes que fazem o clássico deste domingo, às 16h, no Mineirão, extrapolar as fronteiras estaduais, valendo a ponta do Campeonato Mineiro.

As duas equipes ainda não conseguiram mostrar o mesmo futebol de 2014, mas seguem como favoritos em todas as competições que disputam. Nos últimos embates, o Galo tem levado a melhor em cima da Raposa, que não vence o arquirrival há oito jogos, jejum que os cruzeirenses querem findar neste domingo. Para isso, contam com vários jogadores que vão atuar no clássico pela primeira vez.

Este é o caso do experiente zagueiro Paulo André, que já participou de vários clássicos na carreira, mas no domingo vai ter a oportunidade de atuar pela primeira vez no maior jogo de Minas Gerais. O defensor tem pouco mais de um mês de Cruzeiro e pode fazer história no duelo, contra o arquirrival Atlético-MG.

Paulo André vive expectativa de atuar no primeiro clássico contra o Atlético-MG (Foto:Gualter Naves/LightPress)
Paulo André vive expectativa de atuar no primeiro clássico contra o Atlético-MG (Foto:Gualter Naves/LightPress) – Credito: Divulgação/Cruzeiro

“Jogar um clássico pela primeira vez é sempre especial. A gente evidentemente quer vencer e mostrar para o torcedor que temos costume com grandes jogos, com partidas importantes. Para o campeonato valem os mesmos três pontos, mas para o nosso torcedor vale muito. E é por eles que vamos entrar em campo para tentar vencer a partida e dar a alegria que eles merecem”, disse.

Pelo lado atleticano, o confronto no Gigante da Pampulha será especial para o atacante Luan. Isso porque o jogador está próximo de alcançar um marca expressiva pelo Atlético-MG. Ao entrar em campo, no Mineirão, o atleta completará o seu centésimo jogo com a camisa alvinegra.

“Agradeço muito ao torcedor. A massa atleticana sempre me deu confiança, meus companheiros, minha família. A torcida pode ficar ciente de que nunca vai faltar vontade, raça e entrega, e também precisa ter a consciência de que é devagar que vamos voltar a ser aquele time que encantou o Brasil. Espero que a gente possa fazer um grande jogo, o torcedor possa nos apoiar mais uma vez e a gente possa dar a volta por cima”, disse.

Luan completará 100 jogos pelo Atlético em clássico contra Cruzeiro
Luan completará 100 jogos pelo Atlético em clássico contra Cruzeiro – Credito: Divulgação/Bruno Cantini/Atlético-MG

Sobre as equipes que vão entrar em campo, Marcelo Oliveira tinha apenas uma dúvida de ordem tática para escalar o time do Cruzeiro. Nas ultimas partidas, o atacante Willian tem sido o titular, mas o rendimento do jogador não tem agradado. O jovem Alisson se recuperou de lesão e o treinador celeste já revelou apreciar o futebol do atleta, embora tenha optado por começar o clássico com Willian.

No Atlético, os problemas do técnico Levir Culpi são maiores. O lateral-direito Marcos Rocha segue em tratamento no departamento médico e fora de combate. O avante argentino Lucas Pratto foi liberado pelos médicos após se curar de lesão muscular, mas acabou poupado para o clássico e sequer foi relacionado. O armador Dátolo também não irá atuar, pois teve uma pequena lesão no músculo posterior da coxa direita e segue em tratamento.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO X ATLÉTICO-MG

Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 08 de março de 2015, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira (CBF/FMF)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (FIFA/MG) e Márcio Eustáquio Santiago (CBF Especial 1)

CRUZEIRO: Fábio; Mayke, Léo, Paulo André e Mena; Willians, Henrique, Marquinhos e De Arrascaeta; Willian e Leandro Damião
Técnico: Marcelo Oliveira

ATLÉTICO-MG: Victor; Patric, Jemerson, Edcarlos e Douglas Santos; Rafael Carioca, Leandro Donizete, Cesinha e Dodô; Luan e Carlos
Técnico: Levir Culpi