LBF

Presidente da LBF, Ricardo Molina destaca avanços na temporada

Luca Castilho* - São Paulo,SP

09-06-2018 09:00:38

Ricardo Molina será presidente da LBF até 2022 (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)

Um balanço mais do que positivo. Desta forma, o presidente da LBF (Liga de Basquete Feminino) definiu como foi a competição desta temporada, que teve a TV Gazeta como emissora oficial e consagrou o Vera Cruz Campinas como o grande campeão, após uma acirrada decisão contra o Sampaio Basquete.

“Foi acima do esperado (a Liga). Assumimos a Liga a exato um ano, com o desafio de reconstruir esse campeonato, que já tem oito anos. Em função de todos que se dedicaram, o torneio realizou a melhor edição. O nível mudou e agora vamos continuar crescendo de forma sustentável para não perder o que construímos e, se possível, evoluir ainda mais", disse o presidente em entrevista exclusiva à Gazeta Esportiva, durante a festa de premiação em restaurante na Vila Olímpia, em São Paulo.

Eleito para um mandato-tampão de um ano em 2017, Ricardo foi reeleito no início deste ano para comandar a Liga pelo quadriênio de 2018 a 2022 e fez projeções para os próximos anos.

“O planejamento da Liga 2019 e 2020 está pronto e já foi entregue às equipes em abril deste ano. Apresentamos todas as datas e informações da competição", exaltou Molina.

Para concluir, o dirigente destacou a melhora na qualidade da gestão e as perspectivas para os times no futuro. “Acho que agora os times vão aderir a Liga naturalmente. Quando se tem planejamento é normal que o crescimento siga. Temos uma meta de 12 equipes e pretendemos não passar disso, por enquanto, para que haja o equilíbrio. Estamos no caminho certo", falou o comandante da Liga.

*Especial para a Gazeta Esportiva

Deixe seu comentário