Napoli faz dever de casa e goleia Frosinone pelo Italiano

São Paulo , SP
08/12/2018 13:53:50

Em: Futebol, Futebol Internacional, Futebol Italiano, Napoli

Neste sábado, o Napoli fez o dever de casa ao receber o Frosinone, em partida válida pela rodada de número 15 do Campeonato Italiano. No Estádio San Paolo, os celestes não precisaram de grandes esforços para chegar à vitória, que veio pelo placar de 3 a 0. Os gols do jogo foram marcados por Zielinski, Ounas e Milik (duas vezes).

O resultado mantém os comandados de Carlo Ancelotti na vice-liderança da tabela, com 35 pontos ganhos, oito atrás da líder Juventus. O Frosinone, pelo contrário, ocupa a vice-lanterna, com apenas oito pontos somados, cinco a menos que o Empoli, primeiro fora da zona do rebaixamento, que ainda joga nesta rodada.

No próximo final de semana, os napolitanos encaram o Cagliari fora de casa, enquanto os giallazzurri voltam a seus domínios para receberem o Sassuolo. Ambas as partidas estão marcadas para o próximo domingo.

Zielinski abriu o placar com um belo chute de canhota (Foto: Tiziana FABI/AFP)

Três chutes, dois gols

O Napoli teve domínio completo da posse de bola no primeiro tempo, mas, com poucas as chances criadas, o destaque dos 45 minutos iniciais ficou por conta de sua eficiência ofensiva. Afinal, em três chutes, os donos da casa balançaram a rede duas vezes.

A primeira foi logo aos sete minutos. Após cobrança de escanteio, a bola ficou viva na entrada da área até sobrar no pé de Insigne. O meia dominou, percebeu Zielinski livre pela esquerda e rolou para o companheiro. O polonês soltou a canhota e bateu de primeira, cruzado e rasteiro, no cantinho do goleiro Sportiello.

A segunda foi já a cinco minutos do intervalo, e em grande estilo. Ounas recebeu no meio, carregou pela intermediária, limpou para a canhota e soltou um chute de extrema felicidade, acertando o ângulo esquerdo, novamente sem chances para o arqueiro do Frosinone.

Ritmo de treino

Sem sofrer riscos, o Napoli voltou dos vestiários empenhado em aumentar a contagem. Aos quatro minutos, Ghoulam por pouco não fez, finalizando próximo ao travessão. Aos oito, Sportiello evitou o terceiro, defendendo chute de Milik da entrada da área. Já com 12 rodados, o goleiro do Frosinone voltou a aparecer, impedindo o segundo gol de Ounas, de dentro da área.

Sportiello fez o que pôde, fez mais duas boas defesas, em chutes de Insigne e Ounas, mas, como diz o ditado: “água mole em pedra dura, tanto bate até que fura”. E furou, aos 23 minutos. Pela direita, Ghoulam cobrou escanteio fechado e Milik subiu na primeira trave para escorar: 3 a 0.

Com o triunfo garantido e sem qualquer esboço de reação por parte do Frosinone, o Napoli apenas administrou o resultado na metade final do segundo tempo. Mesmo assim, a cinco minutos do fim, ainda achou o quarto gol.

Pela esquerda, Ounas recebeu no fundo e rolou para Ghoulam, que cruzou de primeira e achou Milik sozinho na pequena área. O camisa 99 só empurrou para dentro e correu para o abraço, dando números finais ao confronto.