Campeonato Gaúcho

×
| // - :

Campeonato Gaúcho

Renegados decidem e Inter vence Caxias no jogo de ida da semifinal do Gaúcho

Do correspondente Cesar Esteves - Porto Alegre , RS
31/03/2019 18:08:01

Em: Campeonato Gaúcho, Caxias, Futebol, Internacional

O Internacional derrotou neste domingo o Caxias por 2 a 1 no Estádio Centenário pela primeira partida semifinal do Campeonato Gaúcho. Focado na partida diante do River Plate, Odair Hellmann escalou suplentes e soube segurar o ímpeto dos mandantes. Uma grande atuação do goleiro Marcelo Lomba que fez pelos menos quatro grandes defesas. Camilo e Jonatan Álvez fizeram para os vermelhos, enquanto Foguinho fez para os donos da casa.

Já a partida de volta pela semifinal do Campeonato Gaúcho entre Inter e Caxias será no dia 06 de abril, sábado, às 16h30(de Brasília), no Beira-Rio. Agora o Colorado tem a vantagem de jogar pelo empate e pela derrota de um 1 a 0. Caso o time grená devolva o mesmo marcador a decisão da vaga será nos pênaltis.

Na Libertadores o Internacional recebe na quarta-feira o River Plate, às 19h15(de Brasília), no Beira-Rio, pela terceira rodada do Grupo A. O Colorado lidera a chave com seis pontos.

Inter saiu na frente do Caxias na semi do Gauchão (Foto: Reprodução/Twitter/Internacional)

Jogo

Com um minuto, Parede dominou após passe Patrick e arriscou o chute. Cetin segurou sem dificuldade. Aos cinco, Patrick roubou a bola de Jean e acionou Wellington Silva, que encontrou Camilo dentro da área. O meia passou da marcação e arriscou o chute de canhota, mas o arqueiro espalmou.

Os reservas do Internacional se impõem nesse começo de partida. Por sua vez, o Caxias tem cometido muitos erros de passes e não consegue penetrar no sistema defensivo vermelho. Que chance o time grená perdeu, aos 11, após um erro da defesa colorada, Bruno Alves entrou livre na área e finalizou de perna esquerda, mas Lomba fez grande defesa. Aos 20, Tréllez recebeu dentro da área, girou e finalizou alto. Cetin voou e espalmou.

As duas equipes procuram o gol, porém os espaços são escassos em campo. Finalmente o Colorado abriu o placar, aos 31, após dois cruzamentos na área, Uendel dominou e passou a bola para Patrick, que levantou outra vez quase na pequena área. Camilo subiu mais que Balbino e cabeceou sem chances para o goleiro do Caxias. Mas a resposta do time grená veio, aos 33, após briga de Juazeiro com Patrick e Emerson Santos, Foguinho ficou com a bola, ajeitou e soltou o chute de perna direita deixando tudo igual.

Na etapa inicial usando uma equipe de suplentes o Colorado marcou forte e especulou jogadas de contra-ataque. Por outro lado o Caxias também criou dificuldades para os vermelhos, mas faltou profundidade nas jogadas ofensivas.

Muito truncado esse início de segundo tempo com as jogadas sem nenhum objetividade por parte das duas equipes. Aos 05, Foguinho descolou grande lançamento às costas da zaga vermelha. Eliomar entrou na área, carregou demais a bola e demorou muito para chutar. Marcelo Lomba saiu do gol e ficou com ela.

Os donos da casa tomam a iniciativa, enquanto os visitantes mantém a estratégias de explorar jogadas de velocidade. Aos 16, Guilherme Parede faz jogada individual pela direita, deixou a marcação para trás e chutou forte. Cetin espalmou para escanteio. Em mais uma atuação apagada o centroavante Santiago Tréllez foi sacado, aos 17, para a entrada de Jonatan Álvez.

Brilhou mais uma veza estrela de Lomba, aos 24, Bruno Alves recebe em profundidade nas costas da defesa do Inter, mas não conseguiu finalizar frente a frente com o goleiro colorado. Que oportunidade perdeu o time grená. Dois minutos depois, Jonatan Álvez encontrou Guilherme Parede na área. O atacante dominou e girou para a fazer a finalização. A bola passou perto do ângulo do gol de Cetin. Aos 27, Eliomar roubou a bola de Emerson Santos pela direita, avançou, e dá passe na medida para Bruno Alves. Mas o atacante parou outra vez em Lomba que fez a quarta defesa na partida.

Depois dos 20 minutos, o Caxias dominou o meio-campo e o Colorado pouco conseguiu reter a bola lá na frente. Prevaleceu a velha máxima do futebol quem não faz leva. Aos 37, Jonatan Álvez recebeu passe de Neílton em profundidade, vai para cima de Thiago Salles, passou pela marcação e com um toque sutil sobre o goleiro Luís Cetin e fez o segundo gol vermelho.

A reta final de partida o Caxias foi para o todo tudo ou nada, mas o Internacional soube se defender bem. Mesmo utilizando reservas os comandados de Odair Hellmann foram bem sucedidos e deram um passo importante rumo a final do Estadual.

FICHA TÉCNICA
CAXIAS 1 X 2 INTERNACIONAL

Local: Estádio Centenário, em Caxias do Sul-RS
Data:  31 de março (domingo)
Horário: 16h(de Brasília)
Árbitro: Daniel Bins (RS)
Assistentes: Maurício Coelho Silva Penna (RS) e André da Silva Bittencourt (RS)

Cartão amarelo: Foguinho (Caxias)

Gol: Camilo (Internacional), aos 31 minutos, Foguinho (Caxias), aos 33 minutos do primeiro tempo e Jonatan Álvez (Internacional) 37 minutos do segundo tempo.

Caxias: Cetin, Eduardo Diniz, Jean, Thiago Sales e Samuel Balbino, Juliano, Foguinho, Diego Miranda (Caio Cézar) e Eliomar, Bruno Alves (João Victor) e Júnior Juazeiro (Léo Jaime).
Técnico: Pingo

Internacional: Daniel, Bruno, Emerson Santos, Roberto e Uendel, Rithley, Patrick (Edenílson), Camilo e Wellington Silva (Neílton), Guilherme Parede e Tréllez (Jonatan Álvez).
Técnico: Odair Hellmann




Escalação
Ainda não há informações
Tec -
- Tec

Posse de bola

68%
32%
Corinthians
Santos
999
Corinthians

Passe

999
Santos
999
Corinthians

Finalização

999
Santos
999
Corinthians

Cruzamento

999
Santos
999
Corinthians

Desarme

999
Santos

Faltas

24
COR
×
15
SAN

Impedimentos

24
COR
×
15
SAN

Cartões amarelos

24
COR
×
15
SAN

Cartões vermelhos

24
COR
×
15
SAN

Estatísticas de jogadores

Corinthians

LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner

Santos

LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
Estatísticas de jogadores