Superioridade belga diante do Panamá é evidenciada por estatísticas

São Paulo , SP
18/06/2018 14:37:37 — 18/06/2018 14:38:36

Em: Bélgica, Copa do Mundo, Futebol

A Bélgica não teve dificuldades para vencer o Panamá em sua estreia na Copa do Mundo da Rússia, nesta segunda-feira, em Soshi. Os europeus dominaram completamente a partida, cujos números justificam o resultado de 3 a 0 construído no segundo tempo, com gols de Mertens e Lukaku (duas vezes).

Com 60% de posse de bola, os Diabos Vermelhos ditaram o ritmo do jogo, trocando 481 passes certos contra apenas 260 dos adversários, que ainda obtiveram um percentual de aproveitamento menor, de 82%, contra 89 dos belgas. A pressão se manifesta ainda mais se analisada a quantidade bolas afastadas pela defesa centro-americana: 29, 17 a mais que os rivais.

O toque de bola da Bélgica abriu espaços na marcação panamenha, o que facilitou a criação de oportunidades claras de gol. Foram 15 finalizações, sendo apenas duas bloqueadas, sete para fora e seis na meta defendida por Penedo. Com a exceção de um chute do meio do campo, já nos acréscimos do jogo, Courtois não levou grandes sustos ao longo dos 90 minutos. Os centro-americanos finalizaram seis vezes a gol, quatro para fora e só duas na meta.

Pelo Grupo G da Copa do Mundo da Rússia, os belgas voltam a campo no próximo sábado, contra a Tunísia, no Spartak Stadium, em Moscou. O Panamá, por sua vez, volta a atuar no dia seguinte, domingo, contra a Inglaterra, em Nizhny Novgorod.