Copa do Brasil

Pacaembu | 07/03/2019

Santos enfrenta o América-RN para impedir nova desclassificação

Santos , SP
07/03/2019 09:25:15 — 07/03/2019 10:08:43

Em: América-RN, Copa do Brasil, Futebol, Notícias, Santos
Rodízio de Sampaoli fará Everson ser titular contra o América (Ivan Storti)

O Santos enfrenta o América-RN nesta quinta-feira, às 21h30 (de Brasília), no Pacaembu, para impedir nova desclassificação e avançar à terceira fase da Copa do Brasil.

Com atenção redobrada depois da eliminação para o River Plate-URU na Sul-Americana, o Peixe decidirá em casa em jogo único. Quem passar, pegará o Atlético-GO.

O Alvinegro não contará com Felipe Jonatan – o lateral-esquerdo disputou a Copa do Brasil pelo Ceará e não pode ser inscrito. Assim, o técnico Jorge Sampaoli deve improvisar Diego Pituca na função. Cueva não foi treinar na última terça e perdeu vaga. 

“Demos um passo importante (com a classificação antecipada no Campeonato Paulista). Estamos no caminho certo. Paulista é muito difícil e com três rodadas se classificar é um mérito nosso. Não podemos bobear (na Copa do Brasil), não podemos perder a classificação. Vamos para cima”, disse Diego Pituca.

Vice-líder do Campeonato Potiguar, com duas vitórias em dois jogos e uma partida a menos, o América espera surpreender o Santos no Pacaembu.

O América só venceu o Santos uma vez, em 2007, por 3 a 2, na Vila Belmiro. No total, o Peixe tem quatro vitórias, um empate e uma derrota.

FICHA TÉCNICA
Santos x América-RN

Data: 7 de março de 2019 (quinta-feira)
Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Horário: 21h30 (de Brasília)
Arbitragem: Daniel Nobre Bins (RS)
Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi e Tiago Augusto Kappes Diel (RS)

SANTOS: Everson, Victor Ferraz, Aguilar, Gustavo Henrique e Diego Pituca; Alison, Jean Mota, Carlos Sánchez e Soteldo; Rodrygo e Derlis González
Técnico: Jorge Sampaoli

AMÉRICA-RN: Ewerton, Brand, Adriano Alves e Alison; Murici, Leandro, Adenilson, Hiltinho e Kaike; Max e Jean
Técnico: Moacir Júnior




  • SANTISTA CUIABANO

    Que vergonha pseudos torcedores, só 3.700 ingressos vendidos até ontem, depois ficam gritando que querem jogador, desse jeito? tem que aguentar chacota dos rivais e ficar quietinho mesmo. Vergonha.